Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021

Produtores têm reunião de trabalho nesta quinta-feira

21 setembro 2011 - 13h25
Produtores têm reunião de trabalho nesta quinta-feira

Mercosulnews

Para tranqüilizar a classe produtora da região de fronteira quanto ao foco de febre aftosa registrada no Paraguai, o Sindicato Rural de Ponta Porã promove nesta quinta-feira (22) uma importante reunião de trabalho com técnicos e representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur), da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal) e da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul).

De acordo com o presidente do Sindicato Rural, Jean Pierre Paes Martins, o encontro começa às 14h e contará com as presenças do superintendente federal de Agricultura, Orlando Baez, da secretária estadual Tereza Cristina e do presidente da Famasul, Eduardo Riedel. Nesta terça-feira (20), deputados estaduais de Mato Grosso do Sul defenderam o apoio do governo do Estado ao Paraguai no combate à febre aftosa.

“É uma reunião de trabalho para falar de ações que do lado brasileiro já existem, pois estamos cumprindo as metas e o calendário de vacinação”, explicou Jean Paes. Segundo ele, não será um encontro para tomar medidas e sim de orientação da classe produtora. “Nossa preocupação é com os pecuaristas do país vizinho, que estão passando pelo mesmo problema que enfrentamos há alguns anos”, frisou.

O presidente do Sindicato Rural ponderou que produtores rurais brasileiros e paraguaios têm as mesmas dificuldades como, por exemplo, as intempéries e os fatores econômicos. “Uma crise no agronegócio é muito ruim para todos os produtores da América Latina, pois prejudica todo tipo de comercialização”, adverte Jean Paes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIGAÇÃO EM SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
ECONOMIA
Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão
Esse é o montante pago em tributos federais, estaduais e municipais
EDUCAÇÃO
Volta às aulas: especialistas explicam em 10 pontos como fazer um retorno mais seguro
ESPORTES
Bronze olímpico nos 50 m livre coroa regularidade de Bruno Fratus