Menu
Busca segunda, 27 de setembro de 2021
Cerro Alegre Empreendimentos Imobiliários
CORONAVÍRUS

Após vacinação em massa, municípios da fronteira de MS apresentam 75,5% de queda de casos novos

17 agosto 2021 - 13h00Por Portal Governo MS

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde, divulga nova parcial sobre a vacinação realizada nos 13 municípios que compõem a região de fronteira em Mato Grosso do Sul. Em 45 dias de realização, período de 2 de julho a 14 de agosto, os dados apresentaram redução de 75,5% de casos novos de Covid-19 confirmados nestes municípios. Ao todo, 94.215 pessoas da região de fronteira foram imunizadas com a vacina da Janssen.

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, destacou que os números mostram a importância da vacinação em massa nos municípios de fronteira. “É mais uma conquista para Mato Grosso do Sul. A redução expressiva dos casos e óbitos mostra que estávamos certo em realizar a vacinação em massa na fronteira e trouxe benefícios para todo Mato Grosso do Sul”, completou.

De acordo com a análise os trezes municípios de fronteira apresentaram neste período redução de 75,5% nos casos confirmados, redução de 69% nas hospitalizações e 79,2% de redução em relação os óbitos. Enquanto os demais municípios do Estado apresentaram redução de 35% nos novos casos de Covid, redução de 43,8% nas hospitalizações e 70,02 na redução dos óbitos por Covid-19.

O coordenador do estudo, infectologista Júlio Croda, explicou que analisando os dados entre a população entre 18 e 39 anos se detectou a redução de 74,1% nas internações. “A queda de casos e hospitalização foi o dobro nessa faixa etária comparando os municípios de fronteiras versus os outros municípios”, detalhou Croda.

Mato Grosso do Sul realizou no início de julho a vacinação em massa dos 13 municípios de fronteira, que fazem parte pesquisa intitulada “Efetividade das diferentes vacinas para a COVID-19, baseada em dados secundários de sistemas de vacinação e vigilância”.

O estudo foi conduzido pelo infectologista Júlio Croda através do grupo VEBRA COVID-19 (Vaccine Effectiveness in Brazil Against COVID-19), que é composto por diversas instituição, como Fiocruz, UFMS, Stanford university, Yale university, Instituto de Salude Global de Barcelona, Universidade da Florida, entre outras.

Os municípios que fizeram parte do estudo de vacinação em massa são Mundo Novo, Japorã, Sete Quedas, Paranhos, Coronel Sapucaia, Aral Moreira, Ponta Porã, Antônio João, Bela Vista, Caracol, Porto Murtinho, Corumbá e Ladário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Deputados derrubam vetos a lei que suspende os despejos na pandemia
MINUTO CIDADANIA
Campanha de Enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes
CORONAVÍRUS
Setembro apresenta queda de 56% nas internações por covid em relação a agosto
ECONOMIA
Dívida Pública sobe 1,57% em agosto e aproxima-se de R$ 5,5 tri