Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
FERCICAL
SAÚDE

Mapeamento genômico mostra que P1 é responsável por 22% das amostras analisadas

22 abril 2021 - 13h00Por Portal Governo MS

O boletim epidemiológico desta quinta-feira, dia 22, trouxe749 casos novos, totalizando 240.667 casos confirmados desde o início da pandemia. Dos casos ativos, 11.548 estão hoje em isolamento domiciliar, e outros 1.148 precisaram de internação.

Por falar em internações, ainda é bastante alto o índice de ocupação de leitos destinados ao tratamento da Covid-19, em todas as quatro macrorregiões do Estado. Os maiores índices são registrados nas macrorregiões de Campo Grande e Corumbá, com 101% e 100% respectivamente. A macrorregião de Dourados apresentou alta no índice, que agora é de 94% e macrorregião Três Lagoas 85% de ocupação.

Também foram notificados mais 39 novos óbitos. 5.374 no total. Taxa de letalidade em 2,2%.

O boletim trouxe também os números do mapeamento genômico, realizado com base em 128 amostras, de 38 municípios sul-mato-grossenses. E através desse estudo é possível observar que 32% das amostras são da variante B1, de linhagem brasileira, porém 22,7% são da variante P1, também de linhagem brasileira, mas que surgiu em Manaus. Uma variante de preocupação, indicada por algumas pesquisas como altamente transmissível e com maior potencial de gravidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
PM apreende veículo com mais de 130 kg. de droga
JUSTIÇA
Ministério vai retomar implantação de sistema de apoio ao consumidor
SAÚDE
Queiroga diz que ministério estuda campanha de testagem contra covid
CIDADE
Detran de Dourados terá novo bloco para campanhas educativas e Central de Exames