quinta, 26 de maio de 2022
Oncoclínica Dourados - Maio 2022
AÇÃO DE GOVERNO

Com grama sintética, arenas do "MS Bom de Bola" são modernas e geram menos custo ao poder público

23 março 2022 - 10h00Por Portal Governo MS

Compradas pelo Estado para os 79 municípios de Mato Grosso do Sul, as 112 arenas esportivas do programa “MS Bom de Bola” são modernas e têm menos custo de manutenção aos cofres públicos. As praças esportivas são feitas com grama sintética, nos moldes dos estádios do Allianz Parque (São Paulo) e da Arena da Baixada (Curitiba), e servem para a prática de futebol society e basquete 3x3.

“A grama natural dá muito problema ao gestor. Ela não pode ser utilizada mais de três vezes por semana e na época da seca sente muito. Ou seja, o campo natural tem utilização pequena. Já o de grama sintética pode ser utilizado o dia todo sem prejuízo”, explicou o diretor-presidente da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul), Marcelo Miranda, que coordena o “MS Bom de Bola”.

Em parceria com as prefeituras, as arenas começaram a ser instaladas nas cidades no final do ano passado. Até o momento cinco já foram entregues, sendo duas em Campo Grande, uma em Aral Moreira, uma em Bonito e outra em Taquarussu. Já os municípios de Caracol, Douradina e Nioaque finalizaram a instalação e as arenas serão entregues em poucos dias.

Segundo a Fundesporte, as arenas esportivas foram contratadas em dois modelos. O primeiro tem estrutura para futebol society e basquete 3x3. O segundo, disposição para o society. A arena preparada para as duas modalidades esportivas tem custo de R$ 404,8 mil cada. Já a arena feita só para o futebol society custa R$ 343,8 mil cada. Os dois modelos são entregues aos municípios com arquibancada e luz de led.

“São mais de R$ 50 milhões de investimentos nessas estruturas esportivas, para a garotada poder jogar o futebol e o basquete de 3. Isso aqui faz muito bem para nossos jovens e é por isso que o Mato Grosso do Sul, o Estado que olha por todos, está levando essas estruturas para as 79 cidades”, afirmou o governador Reinaldo Azambuja.

Na parceria do “MS Bom de Bola”, o Governo do Estado paga as arenas e as prefeituras preparam os terrenos para a instalação, com terraplanagem, concreto e pontos de energia. Entre os municípios que estão adequando os terrenos para receber a praça esportiva estão Bandeirantes, Dourados, Iguatemi e Rochedo.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

Planos de saúde individuais têm aumento histórico

POLÍCIA

Segundo acusado por morte de vítima encontrada enterrada em sítio abandonado é preso por policiais

UEMS

Aberto mestrado em Desenvolvimento Regional e Sistemas Produtivos

POLÍTICA

Projeto no Senado esvazia Justiça Eleitoral, diz presidente do TSE