sexta, 23 de fevereiro de 2024

Após ser preso, presidente do PCdoB de Ponta Porã será afastado do partido

Após ser preso, presidente do PCdoB de Ponta Porã será afastado do partido

01 maio 2012 - 19h36Por Midiamax
O presidente regional do PCdoB, sociólogo Moacir Abreu, disse que o partido irá requerer o afastamento do responsável pela legenda em Ponta Porã, Cláudio Rodrigues de Souza.

Conhecido como Meia-Água, o comunista foi preso na última segunda-feira (30) durante investigação do sumiço de Daniel Alvarez Georges, filho do empresário Fahd Jamil.

De acordo com Abreu, o pedido de afastamento do presidente do PCdoB de Ponta Porã será protocolado na Justiça Eleitoral hoje (02). “Caso se concretize o envolvimento, ele será expulso do partido”, adiantou o dirigente.

O sociólogo disse ainda que a decisão foi tomada após reunião com os integrantes da Executiva Estadual do PCdoB de Mato Grosso do Sul. “Foi uma surpresa para nós, mas iremos deixa-lo afastado até o final das investigações, vamos aguardar”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL

Correios distribuirão provas do Concurso Unificado

ECONOMIA

Vendas do Tesouro Direto sobem 13% em janeiro

INFRAESTRUTURA

Governo de MS mantém ações voltadas ao desenvolvimento de Ponta Porã

SAÚDE

Grupo vai subsidiar políticas de enfrentamento de mortes no trabalho