Menu
Busca segunda, 10 de maio de 2021

Naywasany Fernandes, de 23 anos, superou outras seis candidatas.

Fotógrafa australiana fez ensaio com as detentas durante o desfile.

30 novembro 2012 - 17h00
G1 MS

A campo-grandense Naywasany Fernandes da Costa, de 23 anos, foi eleita Miss Penitenciária 2012, em concurso realizado na tarde de quinta-feira (29), no presídio feminino Irmã Irma Zorzi, em Campo Grande. Ela já havia sido eleita Miss Primavera em outubro, o que garantiu sua participação na etapa estadual. Ao todo, sete detentas participaram do concurso.

Sany, como é chamada pelas colegas de cela, tem 1,68 metro de altura e 63 quilos. Detida por roubo há um ano e oito meses, ela aguarda no presídio Irmã Irma Zorzi que seu processo seja julgado. Ao G1, Sany falou sobre a emoção de vencer o concurso. "Fiquei acordada desde as 4 horas, de tanta ansiedade. Agora estou muito feliz, porque pude realizar um sonho da adolescência que foi interrompido ao longo da vida. Contei com o apoio da minha família para chegar até aqui", disse.

A Miss Penitenciária da edição 2011, Kettryllen Oshiro, de 19 anos, transmitiu faixa, coroa e manto à colega de presídio (veja no vídeo ao lado a premiação).

Ela aguarda ser transferida para o regime semiaberto em janeiro e falou sobre a experiência adquirida ao participar dos concursos de beleza. "Aqui dentro a gente vê o que perdeu lá fora, por ter beleza mas não ter conteúdo. Sei que perdi muita coisa boa, mas tenho certeza de que vou conquistar tudo de novo. Minha autoestima está lá em cima, e sei que vou superar todas as dificuldades", disse.

As candidatas desfilaram para os jurados em trajes esportivos, de gala e de banho. Sidnéia Hipolito de 23 anos, representante de Três Lagoas, a 338 km de Campo Grande, ficou em segundo lugar na disputa, repetindo o desempenho do Miss Primavera 2012. Já a candidata Valéria Cristina Rodrigues de Souza, de 25 anos e representando Ponta Porã, ficou em terceiro lugar. Ela já tinha sido eleita Miss Penitenciária em 2009.

As três primeiras colocadas ganharam, respectivamente, um televisor de 32 polegadas, um tablet e um micro system. Os prêmios só poderão ser usados depois que as internas cumprirem as penas, de acordo com a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), organizadora do concurso.

Desfile
A chuva forte que caiu sobre Campo Grande não tirou a animação das cerca de 300 detentas que assistiram ao desfile. Em coro, elas cantavam hits populares enquanto a equipe de som fazia reparos nos equipamentos afetados pela água. Depois, já com a banda tocando no palco do desfile, as detentas deixaram a área coberta para cantar debaixo do aguaceiro (veja no vídeo ao lado).

O concurso de beleza prisional chamou a atenção até de uma fotógrafa estrangeira. A australiana Hannah Scott-Stevenson, que mora em Nova York há quatro meses, veio a Campo Grande especialmente para fazer um ensaio fotográfico com as candidatas. Ela esteve acompanhada de um produtor brasileiro, o também fotógrafo Arthur Seixas.

"Hannah tem um trabalho artístico engajado nos direitos das mulheres, e ficou sabendo do concurso em Mato Grosso do Sul ao ler uma reportagem nos Estados Unidos", conta o brasileiro. Os objetivos, segundo Hanna, são publicar o ensaio em livro e fazer exposições na Austrália e Estados Unidos, além de registrar as etapas municipais do concurso em 2013.

Também participaram do concurso Marilene Pereira Mendes, 32 anos, representando Corumbá; Kátia Leandro de Carvalho Lima, 25 anos, de Rio Brilhante; Silvana Ribeiro de Jesus, 25 anos, de São Gabriel do Oeste; e Abgail Goés, 20 anos, de Jateí.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Banco Central abre consultas para saques e trocos via Pix
SAÚDE
Campanha de vacinação contra gripe termina 1ª fase com 8% imunizados
MAUS-TRATOS
PMA de Bonito autua em R$ 2 mil homem de 24 anos que carregou e matou cachorro do irmão por vingança
CORONAVÍRUS
À Comissão da Covid-19 do Senado, Reinaldo Azambuja reforça importância de mais vacinas