Menu
Busca domingo, 28 de novembro de 2021

Cene vence Operário-PR fora de casa e lidera grupo na Série D

25 julho 2011 - 10h08
Cene conquistou a primeira vitória na Série D do Campeonato Brasileiro. Jogando na cidade paranaense de Ponta Grossa, o Furacão Amarelo bateu o Operário por 2 a 0, gols de Wanderson e Willian, e lidera o Grupo A7 com quatro pontos ao lado do Oeste de Itápolis-SP que, no sábado, venceu o Cerâmica-RS por 2 a 1. O Mirassol, com três pontos, é o terceiro e o Operário, com duas derrotas, segura a lanterna ao lado da equipe gaúcha.

Na próxima rodada, o Cene recebe o Mirassol-SP no Olho do Furacão enquanto Cerâmica e Operário se enfrentam na luta pelos primeiros pontos. Oeste-SP volta à campo apenas na quarta rodada.

Cene ofensivo, Fantasma inoperante

O Cene começou melhor a partida. Logo nos primeiros minutos, o lateral Andrade cruzou duas vezes na área. A bola passou perigosamente na frente do gol, mas o atacante Rafael não conseguiu chegar para completar as jogadas.

O Operário, jogando em casa e precisando da vitória após a derrota na primeira rodada, tentava se impor, mas, sem organização, perdia o meio campo. O Cene adotou uma postura ofensiva na primeira etapa, tocando a bola rapidamente e buscando o resultado.

O Fantasma só chegava através das bolas paradas e dos chutes de longe. Foi dessa forma que o time da casa quase chegou ao gol. Aos 23 minutos, Nelinho chutou de longe, a bola desviou em Naka e quase enganou o goleiro Carlos César, que fez boa defesa.

Aos 27 minutos, foi a vez de Filipe defender com segurança falta cobrada por Rafael. Porém, aos 31 minutos não teve jeito. Aproveitando cruzamento na área, Vanderson cabeceou para fazer 1 a 0 para o time sul-mato-grossense.

No fim do primeiro tempo, o Operário tentou atacar para chegar ao empate, mas esbarrou na defesa adversária e nas próprias limitações.

Fantasma melhora, mas não evita a derrota

O Operário voltou do intervalo com outro espírito. Com Bruno Ferreira no meio campo, o Fantasma estava melhor posicionado ofensivamente e começou pressionando o Cene.

Logo no começo da segunda etapa, porém, o goleiro Filipe teve que sair do gol para tirar a bola do atacante Rafael, que entrava na área pronto para fazer o segundo gol do Cene.

Aos 5 minutos, a vez do Operário. A bola sobrou para George na área, que balançou o corpo e bateu. A bola subiu demais e encobriu o gol adversário. Logo em seguida, Ícaro recebeu bom lançamento de Bruno, mas perdeu a bola.

O atacante Mateus, melhor posicionado e mais empenhado do que na primeira etapa, tentava trazer o time para frente.

Aos 12, em outro cruzamento de Bruno, Mateus cabeceou, mas a bola passou ao lado do gol do goleiro Carlos César. Apesar de chegar com mais freqüência, o Fantasma pecava demais nas finalizações.

Aos 22 minutos, a melhor chance do Operário. Georges fez boa jogada e cruzou na área. Ícaro subiu e cabeceou, mas a bola passou ao lado do gol. Em seguida, em cobrança de falta, Nelinho bateu firme, mas o goleiro Carlos César defendeu bem.

O Cene voltou a aparecer no ataque apenas aos 25 minutos. Juninho bateu de fora da área, para boa defesa de Filipe. Aos 27, Rafael teve outra chance de ampliar o placar. Após desatenção da defesa do Operário, a bola sobrou para o atacante, que bateu forte. Filipe fez a defesa, salvando o time mandante.

Aos 29, o Operário sofreu o castigo por não ter aproveitado o bom momento no começo do segundo tempo. Após bate-rebate, a bola foi lançada na área. O goleiro Filipe saiu mal do gol e Willian aproveitou para ampliar o marcador.

Logo em seguida, Bruno Ferreira, que entrou bem no jogo, acertou a trave do Cene, mostrando, além de tudo, que a sorte também não estava ajudando.

O Cene passou a segurar o jogo, tentando garantir o resultado. Quando conseguia chegar a frente, o Operário errava até no domínio da bola. Em jogada aos 37 minutos, Vinicius Pará pisou na bola, prejudicando boa jogada ofensiva do Fantasma. A finalização de Mateus não foi muito melhor.

Aos 42 minutos, nova cabeçada de Ícaro, nova defesa de Carlos César. Sem efetividade no ataque, o Operário apenas viu o jogo chegar ao fim, com mais uma derrota na tabela.

Fonte: Gazeta MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Educação financeira é estimulada no projeto "Essências" na EE Jorge Amado
SAÚDE
Pesquisa busca voluntários para testar tratamento para câncer de pênis
ESTADO
Agepen conclui formação de alunos das áreas de Administração, Finanças, Assistência e Perícia
SAÚDE
Covid-19: o que se sabe até agora da variante Ômicron