Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021

Dilma diz que crise financeira poderá durar mais tempo do que o esperado

Dilma diz que crise financeira poderá durar mais tempo do que o esperado

25 agosto 2011 - 11h03Por Agência Brasil
A presidenta Dilma Rousseff disse nesta quarta-feira (24) que a crise mundial pode "durar mais tempo do que se espera", mas que não acredita que produzirá "catástrofes”, como a que ocorreu em 2008, como a quebra de bancos de investimentos.

"A crise vai ser isso que estamos vendo: um dia está pior, outro dia está melhor", disse Dilma, após a cerimônia de lançamento do Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado.

"É uma crise profunda do sistema financeiro dos países desenvolvidos, é uma crise de confiança, ela pode durar mais tempo do que se espera. O Brasil deu vários passos. Hoje, nós demos mais um passo, contar com a imensa força de 190 milhões para investir, consumir, trabalhar e empreender".

O governo aguarda a aprovação do Congresso Nacional para criar um ministério para as micros e pequenas empresas. Enquanto isso, o programa será gerido pelas pastas do Trabalho e do Desenvolvimento Social.

A presidenta Dilma disse ainda que pretende reavaliar, ao final de 2013, as metas estabelecidas pelo programa, para baixar a taxa de juros e aumentar a faixa dos beneficiados.

O programa lançado hoje pela presidenta fornecerá crédito com juros de 8% ao ano para microempreendedores individuais e microempresas com faturamento anual até R$ 120 mil. Até o final de 2013, o governo pretende atender a 3,4 milhões de clientes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: estados pedem manutenção de financiamento de leitos de UTI
PONTA PORÃ
Após denúncia Polícia Militar apreende contrabando de cigarros em veículo
SAÚDE
EUA autorizam vacina da Pfizer para faixa etária de 12 a 15 anos
POLÍTICA
Guedes diz que reforma administrativa será moderada