terça, 23 de julho de 2024

Fazendeira é autuada em R$ 9 mil em Anaurilândia

Ela não tinha autorização ambiental para derrubar árvores

15 maio 2012 - 14h30
Correio do Estado


Policiais Militares Ambientais de Bataguassu (MS) em fiscalização nas propriedades rurais de Anaurilândia (MS) localizaram ontem (14) à tarde na fazenda Lagoa Grande, no Distrito de Quebracho, a derrubada de diversas árvores das espécies faveiro e angico para exploração da madeira sem autorização. As árvores foram derrubadas e desdobradas em lascas e palanques para a construção de cerca.

A proprietária da fazenda, residente em Santo Anastácio (SP) foi autuada administrativamente e multada em R$ 9 mil por explorar madeira sem autorização. Ela também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de 06 meses a 01 ano de detenção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Início de operação da fábrica de Ribas do Rio Pardo consolida MS como vale da celulose

ECONOMIA

Mercado voluntário de carbono no Brasil recua em 2023

Dados são do Observatório de Bioeconomia da FGV

BRASIL

Conab recebe mais R$ 115 milhões para apoio à comercialização da agricultura familiar

DIREITOS HUMANOS

Cimi: políticas públicas ainda não frearam violência contra indígenas

Relatório cita fortalecimento e retomada de ações de fiscalização