Menu
Busca sábado, 08 de maio de 2021

Governo do MS leiloa 64 automóveis, 18 motos e até uma lancha

30 agosto 2011 - 11h00Por Assessoria
O Governo de Mato Grosso do Sul, através da Secretaria de Estado de Administração (SAD) coloca em leilão amanhã a partir das 8h30min, 126 lotes de bens diversos considerados ociosos e inservíveis. Na lista constam 18 motos e 64 automóveis entre peruas, utilitários, SUV´s, carros de passeio e picapes.

Na relação de bens a serem vendidos, chama atenção o lote 110 – uma lancha Marajó, modelo 16, ano 92/92, de cor branca, cujo lance inicial para arremate é de R$ 4 mil. Os lances mínimos para as motos variam entre R$ 200 e R$ 700. Entre os automóveis, entre R$ 400 e R$ 7 mil.

Nos demais lotes constam sucatas diversas; cadeiras; almofadas; armários; mesas; bebedouros; freezers; fornos de micro-ondas; balanças; máquinas de beneficiamento de arroz, milho e feijão; aparelhos de DVD, projetores e retroprojetores; ternos; filtros de água em cerâmica; bomba e filtro para piscina; impressoras; aparelhos de ar condicionado; motor de popa; secadoras de roupa; dentre outros.

Podem participar do pregão pessoas físicas e jurídicas de qualquer natureza estabelecidas ou com domicílio em território nacional desde que devidamente documentadas. Os veículos arrematados deverão ser regularizados junto ao DETRAN/MS em um prazo máximo de 30 dias após a publicação oficial da homologação do resultado do leilão.

O leilão estará sob o comando do leiloeiro oficial Tarcílio Leite. A Casa de Leilões fica na Rua Jaboatão, 271, Bairro Silvia Regina – 800 metros do Aeroporto Internacional de Campo Grande. Mais informações sobre documentação e condições gerais do pregão podem ser obtidas pelos fones: 67-3363-7000 e 67-3363-5399. O edital e algumas fotos de lotes podem ser conferidos pela Internet no endereço: www.casadeleiloes.com.br .

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Segunda etapa da vacinação contra influenza começa na próxima semana
CRIME AMBIENTAL
PMA de Bonito e Iagro autuam dono de chácara em R$ 2,6 mil por criação ilegal de javalis
SAÚDE
Pesquisa revela que 1,3 mil municípios ficaram sem segunda dose
Número representa 45% das prefeituras que responderam à sondagem
MS
Ex-marido acusado de feminicídio vai a júri popular