terça, 27 de fevereiro de 2024

Instalação de radares atrasa e apenas 14% já multam nas rodovias federais em MS

Instalação de radares atrasa e apenas 14% já multam nas rodovias federais em MS

25 abril 2012 - 08h48Por Correio do Estado
Quase três anos depois do anúncio, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) concluiu a instalação de apenas 13 dos 91 controladores de velocidade previstos para monitorar as rodovias federais em Mato Grosso do Sul.

Iniciada em janeiro deste ano, a colocação dos 54 radares e 37 lombadas eletrônicas tinha previsão de terminar no final deste semestre. Mas, segundo o supervisor de operações rodoviárias do órgão, Paulo Inoue Keniti, “é bem provável” que o cronograma atrase.

O trabalho é resultado da licitação que levou um ano para ser concluída, de 2009 a 2010, por conta de inúmeras de batalhas judiciais travadas entre as empresas que concorriam para executar o projeto do Dnit, que prevê a instalação de 2.696 redutores nas rodovias federais do País.

Depois disso, a burocracia e a “chuva” de denúncias de corrupção que o órgão enfrentou atrasaram o início da instalação dos aparelhos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

País tem quase 20 mil novos diagnósticos de câncer de pênis em 9 anos

CONSUMIDOR

Projeto proíbe comprar imóveis, carros e obras de arte com dinheiro vivo

SAÚDE

Brasil já registra metade dos casos de dengue contabilizados em 2023

GESTÃO PÚBLICA

Titular da pasta de parcerias estratégicas de MS recebe prêmio nacional de infraestrutura na B3