Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021

Número de sessões de acupuntura pelo SUS cresce 567% em cinco anos em SP

Número de sessões de acupuntura pelo SUS cresce 567% em cinco anos em SP

05 janeiro 2013 - 12h10
Uol

Levantamento da Secretaria de Estado da Saúde do Estado de São Paulo indica que, em cinco anos, o número de sessões de acupuntura realizadas em unidades do SUS (Sistema Único de Saúde) do Estado cresceu 567% (quase sete vezes).

Em 2011, último ano consolidado, houve 264,4 mil aplicações da técnica nos serviços públicos do Estado, contra 39,6 mil em 2007.

O número cresce ano a ano. Em 2008 foram 95,9 mil sessões de acupuntura. Já em 2009 foram 129,9 mil e, em 2010, 202,3 mil.

Antes mesmo de fechar o ano, em 2012, a média mensal já indicava crescimento de 11% em relação a 2011, com a realização, até setembro, de 219,9 mil sessões. No total cerca de 1 milhão de sessões foram realizadas desde 2007.

Atualmente, 221 unidades de saúde em todo o Estado realizam consultas ou sessões de acupuntura, das quais 58 pertencem ao serviço público estadual, incluindo 27 AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades).

As indicações mais comuns são para ansiedade, insônia, depressão e o alívio de dores crônicas, como, por exemplo, lombalgias, hérnias de disco, enxaquecas e artrites.

O Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), unidade ligada à Secretaria à Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), oferece o tratamento para os pacientes que são tratados e acompanhados pelo hospital.

As principais recomendações de acupuntura para os pacientes oncológicos são para o controle de náusea e vômitos, boca seca, insônia, ansiedade e dormência de pés e mãos.

De acordo com a médica Rebeca Boltes Cecatto, do Icesp, a técnica ajuda a reduzir os efeitos colaterais do tratamento. Ela também diz que a acupuntura tem poucas contraindicações, mas o resultado não é obtido em apenas uma aplicação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: estados pedem manutenção de financiamento de leitos de UTI
PONTA PORÃ
Após denúncia Polícia Militar apreende contrabando de cigarros em veículo
SAÚDE
EUA autorizam vacina da Pfizer para faixa etária de 12 a 15 anos
POLÍTICA
Guedes diz que reforma administrativa será moderada