Menu
Busca sábado, 08 de maio de 2021

Remanejamento de servidor processado é cancelado por Secretaria

Remanejamento de servidor processado é cancelado por Secretaria

24 janeiro 2012 - 11h19
Campograndenews

A Secretária de Fazenda tornou sem validade hoje resolução que remanejou de Campo Grande para a agência fazendária de Alcinópolis Aridalton José de Souza, que é alvo de processo por envolvimento em esquema de sonegação de impostos descoberto em 2009. Ele havia sido nomeado ontem para chefe da Agenfa (Agência Fazendária) na cidade e a secretaria atribuiu a um erro a decisão e informou que ela seria anulada.

A resolução que remanejou Aridalton para Alcinópolis havia mudado de função também outros funcionários envolvidos no escândalo. Maurício de Souza Lima havia sido havia sido transferido para a agência fazendária de Três Lagoas, Nilton José Baraúna para Dourados e José Miguel Milet Freitas havia sido transferido para Coxim.

Todos estavam na Unidade de Suprimentos de Bens e Serviços, em Campo Grande, onde vão permanecer.

Segundo afirmou ontem secretário de Fazenda, Mário Sérgio Lorenzeto, a nomeação de Aridalton para a função de chefia em Alcinópolis.

Aridalton é, junto com outras 14 pessoas, réu em processo que tramita desde 2009, quando a Operação Cupim identificou esquema de sonegação de impostos em operações envolvendo madeira vinda do Mato Grosso. Segundo a denúncia, os servidores do fisco recebiam propina para deixar cargas passarem sem recolher a tributação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MEIO AMBIENTE
PMA realiza fiscalização por terra e nos rios em prevenção à pesca predatória
GERAL
Número de mortos em operação no Jacarezinho sobe para 29
COSTA RICA
Trio é preso pela PM com tabletes de substância análoga a maconha
ESPORTE
Fundesporte e Assomasul debatem organização da 17ª Copa Assomasul