Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021

Servidores da Funasa de MS concluem curso de Libras

12 novembro 2011 - 14h19Por Assessoria
A Superintendência Estadual da Funasa de Mato Grosso do Sul (Suest/MS), realizou na sexta-feira (11), na Sede do Órgão, a cerimônia de encerramento do primeiro “Curso Básico de LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais”.

Esta capacitação teve uma carga horário de 60 horas aulas e surgiu da necessidade do cumprimento dos artigos 26 e 27 do decreto nº 5.296 que determinam que o poder público, as empresas concessionárias de serviço público e órgãos da administração federal, direta e indireta garantam às pessoas surdas, um tratamento diferenciado, por meio do uso e difusão da Libras, da tradução e interpretação da língua portuguesa nesta categoria, e que seja realizado por colaboradores capacitados para essa função, bem como garantir o acesso às tecnologias de informação.

Durante a cerimônia, os formandos receberam seus certificados e utilizaram o conhecimento adquirido no curso para se apresentarem a platéia que contou com a presença de servidores da Suest/MS e alunos do Centro de Atendimento ao Deficiente Auditivo de Campo Grande (CEADA). Cada formando sinalizou em Libras, seu nome, setor onde trabalha e contaram um pouco da história da Funasa, nesses 20 anos de saúde pública.

A servidora, Mirta Miranda Pereira, que participou da capacitação, acredita que “o curso foi excelente! Em breve todas as empresas e órgãos públicos precisarão se adequar para atender essa clientela, mais ou menos como a informática, todos terão que se adaptar para que haja uma maior comunicação e inclusão”.

De acordo com o substituto eventual do Superintendente da Funasa de MS, Gilberto Durão, presente na cerimônia “a Funasa se orgulha em dizer que já pode proporcionar um melhor atendimento aos deficientes auditivos, oferecendo o direito de se socializar e ter as mesmas oportunidades que os ouvintes”.

Para a diretora do CEADA, Cícera Celma Cosmo de Arruda “a Fundação Nacional de Saúde, por meio desta capacitação, está proporcionando acessibilidade e inclusão aos sul-mato-grossenses surdos que precisarem desta Instituição, além de estar auxiliando seus colaboradores a entenderem o “mundo dos surdos”.

A cerimônia contou com a apresentação do Coral do CEADA, formado por alunos surdos, que sinalizaram o Hino Nacional Brasileiro e a música “Mercedita”. Ao final do evento, foi servido um lanche para celebrar esse momento especial.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Butantan recebe autorização para iniciar testes de soro anti-covid
GERAL
Com a estabilidade da Covid-19, SES retorna com reunião da CIB de forma presencial
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em setembro já podem sacar auxílio emergencial
BOLETIM COVID
Ocupação de leitos por casos confirmados de Covid-19 está abaixo de 10% em todas as macrorregiões