Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021

Todos os presos pela PF na Operação Voucher são liberados

15 agosto 2011 - 09h03Por IG
Presos pela Polícia Federal na Operação Voucher na última terça-feira, os últimos 11 funcionários do Ministério do Turismo que permaneciam sob custódia no Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), em Macapá, foram liberados na madrugada deste sábado.

Sexta-feira à noite outros seis foram soltos, o primeiro deles foi o ex-deputado federal pelo PMDB e secretário de Programas de Turismo, Colbet Martins, que deixou a prisão por volta das 20h30. Em seguida, às 23h35, saiu o secretário executivo do Ministério do Turismo, Frederico Silva Costa, investigado por envolvimento em desvio de recursos na pasta. Frederico, que terá de se afastar do cargo, pagou fiança de R$ 109 mil para conseguir a liberdade e não quis dar entrevista. Já o ex-secretário-executivo do ministério e presidente da Embratur, Mario Moyses, só deixou a prisão às 2h45.

De acordo com a diretoria do Iapen, a operação de liberação dos presos foi “tranquila” e durou até 3h20, quando o último envolvido no escândalo foi solto.

Dos 35 detidos pela Polícia Federal na última terça-feira, 18 foram liberados na quarta-feira. Na sexta-feira, os 17 funcionários e integrantes da cúpula que continuavam na prisão obtiveram habeas corpus, concedido pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

A operação Voucher, realizada pela Polícia Federal em conjunto com o Tribunal de Contas da União e o Ministério Público Federal, foi deflagrada para combater suposto esquema de desvio de recursos do ministério realizado por meio de emendas parlamentares.

A investigação sobre o esquema de corrupção na pasta começou em abril, após levantamento do TCU que apontou irregularidades no contrato firmado entre o ministério e o Ibrasil. A Polícia estima que foram desviados cerca de R$ 3 milhões na pasta.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
PM apreende veículo com mais de 130 kg. de droga
JUSTIÇA
Ministério vai retomar implantação de sistema de apoio ao consumidor
SAÚDE
Queiroga diz que ministério estuda campanha de testagem contra covid
CIDADE
Detran de Dourados terá novo bloco para campanhas educativas e Central de Exames