Menu
Busca sábado, 08 de maio de 2021

Brasil vence Dinamarca e garante vaga na final do torneio

Brasil vence Dinamarca e garante vaga na final do torneio

17 dezembro 2012 - 00h00Por Fonte: Gazeta Esportiva
Pelo Torneio Internacional Cidade de São Paulo de futebol feminino, o Brasil encarou a Dinamarca, líder da competição, precisando vencer para assegurar vaga na final docampeonato. E conseguiu. Com gols de Érika e Débora, a Seleção fez 2 a 1. Hansen descontou para as dinamarquesas.

Com o resultado, as meninas do Brasil chegaram aos seis pontos, dois a mais que a Dinamarca, que torce por uma vitória de Portugal sobre o México, em partida que acontece a partir das 18 horas, para conseguir a classificação.

O resultado começou a ser construído no primeiro tempo com Érika, que subiu mais que as escandinavas para abrir o placar em cabeceio firme, logo aos sete minutos.

Aos 27, foi a vez de a Dinamarca assustar com um bonito chute que tocou o travessão e a trave, assustando a goleira Andréia, que nada pode fazer, senão observar a trajetória da bola.

O Brasil respondeu novamente com a bola parada, acertando o travessão dinamarquês aos 39 da segunda etapa, quando já não contava com Marta, que deixou o gramado, machucada, no primeiro tempo.

Aos 45 minutos, Débora recebeu passe precioso e tocou por cobertura para selar a vitória e a classificação brasileira. Ainda deu tempo de Hansen descontar, de pênalti, mas a reação dinamarquesa acabou aí.

Agora, o Brasil espera o resultado da partida entre Portugal e México para saber quem vai enfrentar na final. Apenas uma goleada por oito gols de diferença das mexicanas tiraria a primeira colocação da Seleção Brasileira. Portugal precisa de uma vitória igual para se classificar, mas nem assim alcançaria o Brasil no número de pontos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Segunda etapa da vacinação contra influenza começa na próxima semana
CRIME AMBIENTAL
PMA de Bonito e Iagro autuam dono de chácara em R$ 2,6 mil por criação ilegal de javalis
SAÚDE
Pesquisa revela que 1,3 mil municípios ficaram sem segunda dose
Número representa 45% das prefeituras que responderam à sondagem
MS
Ex-marido acusado de feminicídio vai a júri popular