Menu
Busca sábado, 08 de maio de 2021

Tio é morto por sobrinho quando tentava separar briga de casal

31 dezembro 2012 - 07h30Por CGNews
José Renato Rodrigues, 56 anos, morreu no início da madrugada desta segunda-feira, com um tiro disparado pelo próprio sobrinho, de 18 anos, dentro de casa, no Jardim Presidente, em Campo Grande. Olivander Rodrigues Nogueira da Silva chegou à casa do tio e começou a brigar com a mulher.

A vítima que já estava dormindo, levantou e na tentativa de separar a briga entre o casal, sacou uma arma, que guardava embaixo do colchão, para intervir. O tio chegou a pedir por respeito, já que a briga acontecia dentro da sua casa.

Olivander chegou a ser posto para fora da casa, mas retornou e voltou a agredir a esposa. Para intimidar o sobrinho, José Renato disparou para cima, mas foi desarmado pelo jovem, que com o revólver em mãos, atirou contra o tio, atingindo o pescoço. A vítima não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu ainda no local.

Depois do disparo, ele passou a ameaçar os familiares e amigos que estavam na casa e fugiu em um Fiat 147, levando a arma usada no crime. Olivander foi até a casa do pai, Olávio Maia da Silva, 43 anos, que acobertou o jovem até que ele fugisse novamente.

Policiais Militares do 9° Batalhão do Pelotão Nova Lima fizeram buscas e localizaram o pai do rapaz, que chegou a ser preso por ter facilitado a fuga do filho. Na versão de Olávio, o filho chegou em casa dizendo que havia brigado e disparado alguns tiros, mas não chegou a revelar quem havia sido atingido.

O pai disse ainda que o jovem estava embriagado e que pelas condições, resolveu levar Olivander até sua casa, no bairro Nova Lima.

Os militares retomaram as buscas por Olivander que foi encontrado por volta das 5h da manhã, escondido em uma chácara na região do Parque dos Poderes.

O jovem já está preso e será encaminhado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Segunda etapa da vacinação contra influenza começa na próxima semana
CRIME AMBIENTAL
PMA de Bonito e Iagro autuam dono de chácara em R$ 2,6 mil por criação ilegal de javalis
SAÚDE
Pesquisa revela que 1,3 mil municípios ficaram sem segunda dose
Número representa 45% das prefeituras que responderam à sondagem
MS
Ex-marido acusado de feminicídio vai a júri popular