Menu
Busca segunda, 10 de maio de 2021

Uruguaios protestam após Senado adiar votação do casamento gay

27 dezembro 2012 - 00h00Por Fonte: Terra
Cerca de 100 pessoas protestaram na tarde desta quarta-feira em frente ao Registro Civil, em Montevidéu, no Uruguai, contra o acordo firmado pela manhã no Senado que adiou para abril a votação do projeto de lei que habilita o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Convocados pela organização Ovelha Negra, os manifestantes criticam o partido do presidente José Mujica por ter aceitado adiar a discussão.

Em comunicado, a organização que reúne gays, lésbicas, travestis e transexuais citam os senadores que rechaçaram postergar a votação e criticam as bancadas dos partidos de oposição e os demais senadores aliados pelo acordo.

A votação do projeto de lei estava marcada para esta quarta-feira pela manhã, mas após alguns minutos de discussão, os legisladores decidiram adiar a discussão do tema para abril. A lei já foi aprovada na Câmara dos Deputados e, se for aprovada no Senado, segue para sansão do presidente Mujica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DIA DO CAMPO
Infraestrutura amplia competitividade do agro que registra números positivos mesmo na pandemia
ECONOMIA
Banco Central abre consultas para saques e trocos via Pix
SAÚDE
Campanha de vacinação contra gripe termina 1ª fase com 8% imunizados
MAUS-TRATOS
PMA de Bonito autua em R$ 2 mil homem de 24 anos que carregou e matou cachorro do irmão por vingança