Menu
Busca sexta, 23 de abril de 2021

Ex-marido amarra com cueca, rende por 6h e estupra mulher até com a mão

Ex-marido amarra com cueca, rende por 6h e estupra mulher até com a mão

03 janeiro 2015 - 07h00
A Polícia Civil de Caarapó, prendeu na tarde de hoje (2) o homem acusado de estuprar, bater, ameaçar e torturar a ex-esposa, de 51 anos, por seis horas no final da tarde do dia 31 de novembro. O acusado, Paulo Padilha, 39 anos, usou uma cueca para amarrá-la e até uma das mãos para estuprar a vítima.

Segundo o delegado Rodolfo Dalto, responsável pela prisão, Paulo e a ex-mulher moraram juntos por 10 anos, mas estavam separados. No dia 31, ele foi até a casa dela, a amarrou com um de suas cuecas, começando a tortura.

De acordo com o jornal Campo Grande News, o acusado passou uma faca na barriga da vítima, depois a estuprou, inclusive utilizando uma das mãos. Depois do ato ele fugiu e deixou a mulher em casa. Ela começou a gritar por socorro e foi ajudada pelos vizinhos.

A mulher foi internada no hospital da cidade, mas recebeu alta depois de 24 horas em observação.

O delegado contou que hoje, Paulo ligou para o filho da vítima e ameaçou ele e a mãe. Pela ligação, os policiais encontraram o acusado, que fugiu, adentrando em um matagal. Minutos depois, ele foi encontrado em cima de uma árvore, momento que foi preso.

Ainda de acordo com o site, Paulo foi autuado por lesão corporal, estupro, ameaça e cárcere privado. Conforme o delegado, ele pode sofrer uma agravante no pena, pois a mulher possui problemas mentais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ALVORADA DO SUL
Policiais civis prendem suspeito de homicídio
CORUMBÁ
Polícia Militar prende dupla por tentativa de assalto a mão armada
DOURADOS
Jovem é preso com veículo roubado após denúncias de furto
EDUCAÇÃO
Sisu: terminam hoje os prazos para matrículas na primeira convocação