Menu
Busca terça, 13 de abril de 2021

Ex-marido mata dona de bar a facadas e diz não estar arrependido

Ex-marido mata dona de bar a facadas e diz não estar arrependido

01 janeiro 2015 - 08h15
A dona de um bar foi morta de forma cruel e a facadas pelo ex-marido, que foi preso em flagrante pela Polícia Militar, por volta das 21h50 desta terça-feira, dia 30 de dezembro, na Rua Germino Machado Feitosa, no Bairro Itapoã, em Ivinhema.

Conforme informações do site Ivinotícias, Gerson Passarelo Ferreira matou Marilene Militão de Jesus, 38 anos, mais conhecida como Marlene. Ela mantinha um bar próximo ao local do homicídio.

Gerson confessou o crime e disse que não estava arrependido. “Não estou arrependido porque ela me traiu”, contou o homem, que aparentava estar embriagado. A mulher foi encontrada dentro de um dos banheiros da casa.

Ela foi morta com dois golpes de faca, um no peito e outro no braço. O corpo foi encontrado por uma filha do casal, que pediu socorro aos vizinhos. No entanto, quando o Corpo de Bombeiros chegou, Marlene já estava morta.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPERAÇÃO HÓRUS
Veículo furtado com quase meia tonelada de maconha foi recuperado pelo DOF
EDUCAÇÃO
Prouni: MEC abrirá em maio inscrições para bolsas remanescentes
JUTI
Polícia Militar apreende veículo com chassi adulterado
COTAÇÃO
Dólar fecha acima de R$ 5,70 em meio a incertezas políticas e fiscais