terça, 16 de abril de 2024
INVESTIGAÇÃO

Menina que morreu na UPA sofreu traumatismo craniano encefálico, aponta laudo

02 agosto 2022 - 09h30Por Dourados News

Valentina, criança de 7 anos de idade que morreu ao dar entrada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) no início da tarde desta segunda-feira (1/8), sofreu um traumatismo craniano encefálico. 

A informação consta em laudo pericial e faz parte das investigações em andamento coordenadas pela 2ª Delegacia de Polícia Civil de Dourados. 

Agora, a polícia busca elucidar se a grave lesão no crânio foi causada por uma queda acidental ou por agressões. 

Como informado ontem pelo Dourados News, a menina teve uma parada cardiorrespiratória e faleceu no momento em que chegava na unidade hospitalar. 

Os médicos ainda tentaram reanimá-la para fazer a entubação traqueal.

Valentina havia sido levada para UPA porque teria caído de um banco em residência localizada na região da Chácara Cidelis.

Mas a equipe médica encontrou diversas lesões pelo corpo da criança, o que levanta suspeita de possíveis maus-tratos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

50+

Funtrab e rede supermercadista lançam 'Feirão da Empregabilidade' para contratação de profissionais

DETRAN-MS

Curso especial para condutores infratores ultrapassa 90% de aprovação

DESENVOLVIMENTO

Com R$ 3,2 bilhões, MS teve aumento de 227% nos investimentos públicos nos últimos três anos

TRAGÉDIA

Mãe e filho morrem e três ficam feridos em acidente no domingo de Páscoa