sexta, 01 de julho de 2022
REGIÃO

PMA fecha carvoaria irregular, autua empresa em R$ 18 mil e apreende 60 m³ madeira ilegal

23 maio 2022 - 16h00Por PM-MS

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande realizavam fiscalização ambiental e trabalhos de orientação para prevenção aos incêndios na operação Prolepse nas propriedades rurais do município de Corguinho e localizaram hoje (23) no final da manhã, uma carvoaria que funcionava de forma ilegal em uma fazenda, localizada a 106 km de Campo Grande.

Para a carvoaria, pertencente a um empresário residente em Água Clara, havia licença para funcionar, porém, a madeira utilizada para a fabricação do carvão não possuía o Documento de Origem Florestal (DOF), que é o documento ambiental obrigatório para o transporte, comércio, industrialização e armazenamento de qualquer produto florestal. Foram apreendidos 60 m³ de lenha.

Madeira apreendida na carvoaria.

As atividades foram paralisadas. A empresa infratora, com domicílio jurídico na cidade de Corguinho, foi autuada administrativamente e foi multada em R$ 18.000,00 por funcionar atividade potencialmente poluidora em desacordo com a autorização ambiental obtida, com pena de um a seis meses de detenção e por uso da madeira ilegal, cuja pena é de seis meses a um ano de detenção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 64,36 mil casos em 24h

TEMPO

Mato Grosso do Sul deve ter clima estável nesta primeira semana do inverno

GERAL

Receita Federal deixa de exigir autenticação de documentos

POLÍTICA

Rodrigo Pacheco defende parceria entre Poderes em favor da sociedade