Menu
Busca sexta, 22 de outubro de 2021

Polícia Federal cumpre mandados de prisão em Batayporã e Ponta Porã

Polícia Federal cumpre mandados de prisão em Batayporã e Ponta Porã

01 dezembro 2011 - 16h30
Nova News


A operação "Colheita" realizada pela Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (30), com objetivo de combater o tráfico de drogas, resultou no cumprimento de vários mandados de prisão nas cidades de Batayporã e Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul e nos estados de São Paulo, Mato Grosso e Minas Gerais.

A ação foi coordenada pela Polícia Federal da cidade de Jales (SP) e envolveu mais de 150 policiais. A quadrilha utilizava a cidade de Batayporã como entreposto para o transporte das drogas e após investigação detalhada, a Polícia Federal conseguir apurar as pessoas envolvidas no esquema.

Segundo a Polícia Federal, no período de um ano, os envolvidos traficaram cerca de cinco toneladas de droga, o que equivale a R$ 30 milhões.

As investigações tiveram início no mês de agosto deste ano, quando 66 quilos de droga, que eram levados para São Paulo, foram apreendidos pela polícia. No decorrer da ação, a polícia conseguiu apreender mais 90 quilos de entorpecente que também teriam como destino o estado de São Paulo.

Em outubro, mais 156 quilos de droga pertencente ao grupo foram apreendidas pela polícia. Boa parte da droga estava armazenada um uma propriedade rural localizada em um assentamento de Batayporã.

De posse das informações necessárias, a Polícia Federal realizou nesta quarta-feira (30) a ação que culminou com a prisão dos envolvidos, que não tiveram os nomes divulgados.

Todos os suspeitos serão indiciados por tráfico de drogas e associação ao tráfico. As pessoas detidas irão prestar depoimento em delegacias da Polícia Federal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GUIA LOPES DA LAGUNA
PMA prendem e autuam infrator por pescar utilizando petrecho ilegal, onde a pesca é proibida
OUTUBRO ROSA
Com foco na prevenção, Conselho leva mulheres com deficiência para realizar exames
OPERAÇÃO PROLEPSE
PMA autua 128 infratores, aplica 33 milhões em multas e realiza orientação em 740 propriedades
POLÍTICA
Projeto destina 10% de vagas no Sine para mulher vítima de violência