Menu
Busca segunda, 25 de outubro de 2021
Sanesul - Ranking Valor Econômico
AQUIDAUANA

Polícia Militar prende uma pessoa com grande quantidade de drogas

13 maio 2021 - 12h30Por PM-MS

Terça-feira, 11/05/2021, equipe da Força Tática encerra mais um ponto de vendas de drogas.

Por volta das 13h, a equipe PM em destaque realizava rondas ostensivas e preventivas pela região da Nova Aquidauana e se deparou com duas pessoas montadas em uma motocicleta parada em frente à uma residência na rua Anacleto dos Reis. Essas pessoas perceberam a aproximação da viatura policial e, um deles, o passageiro, desceu e entrou na residência e o outro fugiu com a motocicleta. Neste ínterim, outras duas pessoas estavam sentadas em frente a mesma casa e ao verem que uma abordagem policial se aproximava, entraram na residência. Diante da suspeição apresentada, a equipe PM seguiu os fugitivos e logrou êxito em abordá-los já no perímetro interno da casa. Uma delas, um homem 26 anos, se identificou como sendo o proprietário daquele local e disse aos policiais que fugiu pois é usuário de drogas e tinha uma quantia armazenada ali para consumo pessoal. Após busca domiciliar foi encontrado 85g de maconha.

Questionado sobre o motivo da fuga dos demais, o autor acabou por entregar que é comerciante de drogas e que aquelas pessoas estavam ali adquirindo o produto, bem como, tinha uma quantidade maior armazenada em outro local. Nesse novo cenário, os policiais militares seguiram até esse novo local e chegaram à um terreno baldio, sendo informados pelo autor que a droga estava enterrada. Ali foi encontrado 8 tabletes de maconha.

O autor e os objetos apreendidos foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana para as devidas providências.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Fiocruz: IFA nacional passará por 14 testes nos Estados Unidos
OPERAÇÃO HÓRUS
Policiais Militares apreende veículo por contrabando de cigarros
OPERAÇÃO HÓRUS
Carro furtado na última quinta-feira em Minas Gerais é recuperado pelo DOF
JUSTIÇA
Mais de um ano após liminares, STF debate juiz de garantias