Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
YARIS SD DOURAMOTORS - OUTUBRO 2021
PEDRO JUAN CABALLERO

Polícia paraguaia diz ter errado sobre morte e ferida durante chacina continua em hospital

12 outubro 2021 - 10h30Por Dourados News

Através de nota, a polícia paraguaia afirmou ter errado sobre a morte de mais uma pessoa na chacina que vitimou outras quatro na madrugada de sábado (12/10), em Pedro Juan Caballero, no Paraguai. A retratação ocorreu horas depois de anunciar sobre o óbito da brasileira, estudante de medicina.

Conforme as informações da segurança pública daquele país, a jovem passou por cirurgia e segue internada em hospital de Ponta Porã. 

Na madrugada de sábado, quatro pessoas foram executadas na saída de uma festa na cidade paraguaia que faz fronteira com o Mato Grosso do Sul através de Ponta Porã. 

Entre as vítimas estavam a douradense Kaline Reinoso de Oliveira, 22, a filha do governador do Departamento de Amambay, Haylee Carolina Acevedo Yunis, 21, Rhamye Jamilly Borges de Oliveira, 18, e Osmar Vicente Álvarez Grance, 32, o 'Bebeto' que seria o alvo dos pistoleiros.

No dia do atentado, foram registrados no local pelo menos 110 tiros de fuzis calibres 7,62 e 5,56 por três pistoleiros que desceram de uma Toyota Hilux prata. (Com informações Campo Grande News)

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Ministério da Saúde já está desabilitando leitos de terapia intensiva
SAÚDE
Mais de 18 milhões de brasileiros que já deveriam ter tomado a segunda dose da vacina contra a covid
ECONOMIA
Arrecadação federal cresce 12,9% e bate recorde em setembro
CAMPO GRANDE
Polícia Civil cumpre Mandado de Prisão contra autor de Homicídio Tentado