sexta, 24 de maio de 2024
POLÍCIA

Técnico de enfermagem indiciado por desviar sangue de hospital e usá-lo para tentar contaminar cães

12 setembro 2022 - 14h00Por G1-MS

Um técnico de enfermagem, de 34 anos, foi indiciado nesta segunda-feira (12), pela Quinta Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande, após ter desviado sangue humano de um hospital e tentado contaminar três cachorros de uma vizinha, no bairro Los Angeles.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Felipe Alvarez Madeira, o homem persegue a vizinha desde 2020 e, no inicio do ano, foi desligado do hospital público em que trabalhava, mas continuou coletando sangue em laboratórios particulares e jogando na casa da vítima.

De acordo com a investigação, o suspeito não gosta de cães e se incomodava com os barulhos que os três animais faziam. Ainda conforme a polícia, no inicio, ele chutava a porta da garagem, mas logo evoluiu para ameaças graves como arremessar ampolas com sangue na casa, jogar garrafas, pedras e até sacos com fezes no telhado da vítima.

Conforme o delegado Felipe, a vítima chegou a instalar câmeras de segurança na residência e registrar os atos de ameaça. De acordo com a polícia, as imagens deixaram claro que o agressor também arremessava objetos no telhado diariamente, causando prejuízo à vítima e perseguindo-a em virtude da discordância.

Durante as investigações, a polícia esteve no local e constatou a presença de sangue humano no portão da casa. A vítima contou às autoridades que precisou iniciar tratamento psicológico semanal por causa da perseguição.

O suspeito foi indiciado pela prática de infração de medida sanitária preventiva majorada, peculato, maus tratos de animais tentado, dano qualificado por motivo egoístico, perseguição majorada e violência psicológica contra a mulher.

O caso segue sendo investigado e a pena máxima do suspeito pode chegar a 24 anos de prisão, segundo a Polícia Civil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

SES abre consulta pública para validação da Linha de Cuidado da Pessoa com Sobrepeso e Obesidade

TEMPO

Segunda-feira tem manhã mais fresca e tarde amena

MS

Semana de Combate ao Assédio e à Discriminação do TJMS inicia na próxima segunda (13)

GERAL

Pesquisadoras falam dos desafios de conciliar maternidade com estudos