Menu
Busca segunda, 27 de setembro de 2021
Cerro Alegre Empreendimentos Imobiliários
LEGISLATIVO DE MS

Após indicações de Neno, Reinaldo confirma projetos para reconstrução na Coronel Ponciano

15 julho 2021 - 13h15Por Assessoria de comunicação

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) confirmou os projetos de renovação total da Rua Coronel Ponciano, em Dourados. Autor de diversas indicações e solicitações para que as obras fossem realizadas, o deputado Neno Razuk (PTB) agradeceu ao governador. A confirmação foi feita pelo Chefe do Executivo, durante a cerimônia de autorização das emendas parlamentares realizada na Governadoria do Estado em Campo Grande.

Neno pediu pela duplicação e revitalização e sempre defendeu junto a Secretaria de Obras a importância da realização dessa obra para Dourados, além de ser um avanço para a região. 

“É uma obra que venho pedindo desde início do mandato e após o anúncio do governador Reinaldo Azambuja vejo como meu trabalho e dos demais colegas tem dado certo”, lembrou sobre as solicitações que foram enviadas para a Seinfra (Secretaria de Obras e Infraestrutura);

Durante a autorização de R$36 milhões em emendas parlamentares, Reinaldo Azambuja utilizou da palavra e parabenizou os deputados, além de ressaltar as ações do Governo do Estado para o segundo semestre de 2021, anunciando projeto  sendo um deles a reconstrução da Rua Coronel Ponciano.

“Lá em Dourados, o Neno trabalhou muito por essas obras e na segunda quinzena de agosto, o nosso secretário de infraestrutura Eduardo Ridel estará em Dourados para apresentar os projetos a Rua Coronel Ponciano. Vamos fazer a reconstrução e interligar a rua ao viaduto da BR-163, da CCR Vias”, garantiu o governador.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS
Mato Grosso do Sul recebe mais 65.150 doses de vacina contra a Covid-19
NOTÍCIAS
TJ implementará 100% do retorno dos serviços presenciais no dia 18 de outubro
LEGISLATIVO DE MS
Neno Razuk recebe moção de agradecimento por destinação de emenda à Itaquiraí
CIDADE
Já está em vigor lei que reduz ICMS da energia elétrica para 1 milhão de unidades consumidoras