Menu
Busca sábado, 08 de maio de 2021

Câmara arquiva processo de cassação do mandato de Jaqueline Roriz

31 agosto 2011 - 08h15
Câmara arquiva processo de cassação do mandato de Jaqueline Roriz

Agência Brasil

O plenário da Câmara acaba de absolver a deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF), por 265 votos contra 166 e 20 abstenções, no processo de cassação por quebra de decoro do mandato da parlamentar do Distrito Federal (DF).

O processo baseia-se em uma gravação em vídeo, onde Jaqueline Roriz, na época candidata à deputada distrital, aparece recebendo dinheiro do operador do esquema de propina no governo do DF, Durval Barbosa. A fita com as imagens só foi divulgada este ano, levando o PSOL a pedir ao Conselho de Ética da Câmara a abertura de processo de cassação.

O relator do processo no Conselho de Ética, deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), fez um parecer, que foi aprovado, favorável à cassação do mandato de Jaqueline Roriz. Sampaio usou como argumento que as imagens mostradas este ano mancharam a imagem da Câmara e, portanto, a deputada ferira o decoro parlamentar.

O advogado José Eduardo Alckmin adotou como tese da defesa que fatos anteriores ao mandato não caracterizam quebra de decoro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Marinha: três navios são suspeitos por manchas de óleo no NE em 2019
EDUCAÇÃO
Sábado é o último dia para matrícula para aprovados da UEMS da 4ª convocação
SAÚDE
Fiocruz: pandemia de covid-19 faz vítimas cada vez mais jovens
TEMPO
Final de semana de dia das mães será de tempo firme em Mato Grosso do Sul