sexta, 19 de julho de 2024

Câmara arquiva processo de cassação do mandato de Jaqueline Roriz

31 agosto 2011 - 08h15
Câmara arquiva processo de cassação do mandato de Jaqueline Roriz

Agência Brasil

O plenário da Câmara acaba de absolver a deputada Jaqueline Roriz (PMN-DF), por 265 votos contra 166 e 20 abstenções, no processo de cassação por quebra de decoro do mandato da parlamentar do Distrito Federal (DF).

O processo baseia-se em uma gravação em vídeo, onde Jaqueline Roriz, na época candidata à deputada distrital, aparece recebendo dinheiro do operador do esquema de propina no governo do DF, Durval Barbosa. A fita com as imagens só foi divulgada este ano, levando o PSOL a pedir ao Conselho de Ética da Câmara a abertura de processo de cassação.

O relator do processo no Conselho de Ética, deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), fez um parecer, que foi aprovado, favorável à cassação do mandato de Jaqueline Roriz. Sampaio usou como argumento que as imagens mostradas este ano mancharam a imagem da Câmara e, portanto, a deputada ferira o decoro parlamentar.

O advogado José Eduardo Alckmin adotou como tese da defesa que fatos anteriores ao mandato não caracterizam quebra de decoro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONSUMIDOR

Projeto proíbe plataformas de streaming de limitar acesso apenas à residência do usuário

MEIO AMBIENTE E ENERGIA

Projeto de lei inclui plantio de árvores, jardins e hortas entre as medidas socioeducativas

GERAL

Comissão do governo vai definir regras para transporte aéreo de pets

AGROPECUÁRIA

Proposta define regras para rotulagem da carne bovina