quarta, 22 de maio de 2024
LEGISLATIVO DE MS

Deputados devem votar seis propostas nesta quarta-feira durante sessão plenária

24 agosto 2022 - 08h00Por ALEMS

Seis proposições estão na pauta da Ordem do Dia da sessão desta quarta-feira (24), realizada no plenário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) a partir das 9h. Os projetos instituem programa e campanha de conscientização, tratam sobre valorização de categoria de trabalhadores e de religiões de matriz africana, defende direito do consumidor, entre outras disposições.

Previsto para ser votado em segunda discussão, o Projeto de Lei 25/2022 institui o Programa Cidade Amiga do Autista. A finalidade é estimular os municípios interessados a adotarem medidas que incentivem a proteção e direitos das pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e seus familiares. Para aderir ao programa, o município deve ter um Conselho Municipal das Pessoas com TEA e apresentar um plano que contemple a melhor qualidade de vida às pessoas com autismo.

Em primeira discussão, estão pautadas quatro proposições. Entre elas, está o Projeto de Lei 137/2022, que cria a campanha “Tulipa Vermelha”, a ser realizada, anualmente, no mês de abril. A campanha será dedicada à elaboração de ações educativas de conscientização, divulgação e tratamento da Doença de Parkinson.

Os deputados devem votar também, em primeira discussão, o Projeto de Lei 213/2022, que altera o artigo 2º da Lei Estadual 910/1989, a qual dispõe sobre o exercício dos Cultos Afros Brasileiros no Estado. A nova redação amplia a autorização de funcionamento dos cultos para outras instituições representativas, atualmente restrita à Federação dos Cultos Afro-Brasileros e Amerídios de Mato Grosso do Sul.

Ainda em primeira discussão, deve ser apreciado o Projeto de Lei 209/2022, que institui o Dia Estadual do Catador e Catadora de Materiais Recicláveis de Mato Grosso do Sul, a ser comemorado, anualmente, em 7 de junho. O objetivo, de acordo com a proposta, é reconhecer a importância desses trabalhadores como agentes ambientais.

A quarta proposição prevista para primeira discussão dispõe sobre direito do consumidor. O Projeto de Lei 193/2022 obriga os fornecedores de produtos e prestadores de serviços a emitirem boletos com o valor exato contratado, sem inserir acréscimos relativos à adesão a produtos e/ou serviços, cuja contratação não conte com a prévia anuência do consumidor.

Além dessas propostas, os deputados devem votar também, em discussão única, o Projeto de Resolução 19/2022, que concede a Comenda do Mérito Legislativo.

As sessões da ALEMS são realizadas às terças, quartas e quintas-feiras. Podem ser acompanhadas presencialmente ou pelos canais de Comunicação da Casa de Leis.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

SES abre consulta pública para validação da Linha de Cuidado da Pessoa com Sobrepeso e Obesidade

TEMPO

Segunda-feira tem manhã mais fresca e tarde amena

MS

Semana de Combate ao Assédio e à Discriminação do TJMS inicia na próxima segunda (13)

GERAL

Pesquisadoras falam dos desafios de conciliar maternidade com estudos