Menu
Busca quarta, 23 de junho de 2021

PMDB adia anúncio do resultado da pesquisa do Ibope em Dourados

04 maio 2012 - 23h41
Conjuntura Online

O comando regional do PMDB decidiu adiar para a próxima semana o anúncio do resultado da pesquisa do Ibope que deve apontar o candidato do partido à sucessão do prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB).

Disputam à indicação os deputados federais Geraldo Resende, Marçal Filho e a vereadora Délia Razuk por meio do critério de pesquisas qualitativas e quantitativas encomendas pela cúpula regional e municipal da legenda.

De acordo com federal Geraldo Resende, o resultado seria feito nesta semana, mas os dirigentes ainda estão analisando as pesquisas qualitativa e quantitativa encomendada junto ao Ibope pelo diretório municipal.

Pelo critério estabelecido, enfrentará Murilo, que tentará a reeleição em 7 de outubro, aquele que tiver maior densidade eleitoral.

Apesar da movimentação dos pré-candidatos peemedebistas em torno de candidatura própria no segundo maior colégio eleitoral do Estado, Murilo opera para impedir o rompimento por meio de acordo com o governador André Puccinelli, principal articulador político do PMDB na Capital e no interior.

A intenção de Murilo é buscar a reeleição sem correr risco, ou seja, sem a participação do PMDB e de outros partidos que atualmente dão sustentação à sua administração, como PSDB e DEM, cujas lideranças têm manifestado o desejo de lançar candidatura própria.

Apesar de a disputa caminhar para um novo cenário eleitoral no município, diferentemente das eleições em que Murilo chegou ao comando da prefeitura apoiado por 15 partidos, o prefeito socialista trabalha com a possibilidade de manter a mesma aliança.

A estratégia do prefeito é continuar conversando, buscando o diálogo com os dirigentes de outras legendas até que o processo de composição da chapa majoritária se esgote, uma vez que as candidaturas só serão homologadas em junho com a realização das convenções partidárias.

Nesse caso, Murilo terá de convencer, além do governador André Puccinelli, o presidente regional do DEM, deputado estadual Zé Teixeira, que sempre defendeu candidatura própria no município como forma de criar alternativas para que o eleitorado douradense possa escolher a melhor proposta.

Outro desafio do prefeito é convencer o PSDB a desistir de sua possível candidatura. No começo desta semana, o diretório municipal tucano anunciou o nome de Elizio Brites como eventual postulante ao cargo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS
Mato Grosso do Sul já vacinou 51,8% da população adulta contra Covid-19
BATAGUASSU
Polícia Civil realiza orientações e verificações preventivas em parceria com PRF
CORONAVÍRUS
Sistema de Regulação aponta que de 10 internados em UTI em Campo Grande, 8 são do próprio município
COSTA RICA
Polícia Civil prende em flagrante traficante de drogas pela quarta vez em menos de 2 anos