quinta, 20 de junho de 2024

Cabo foi preso nesta quarta-feira (23) em Corguinho, a 99 km da capital.

Menina contou sobre abuso para o pai em março deste ano, diz delegado.

24 maio 2012 - 08h20
G1 MS

Um policial militar de 46 anos foi preso, nesta quarta-feira (23), sob suspeita de ter estuprado uma menina de 9 anos em Corguinho, a 99 km de Campo Grande. Conforme o delegado de Polícia Civil responsável pelo caso, Paulo Roberto Diniz, a garota contou ao pai que havia sofrido o abuso no fim de 2011. O suspeito, que é cabo da PM, negou o crime em depoimento.

O inquérito policial sobre o caso foi aberto no fim de março deste ano. Segundo Diniz, a criança estava de férias com o pai em Rio Negro, a 163 km da capital, quando agiu de modo estranho ao ser convidada para dormir na casa de uma amiga. O pai e a madrasta desconfiaram da reação e questionaram a garota, que acabou contando sobre o estupro.

Durante depoimento, a mãe da menina disse aos policiais que só soube da situação depois que foi informada pelo pai. O inquérito foi encerrado em 27 de abril e encaminhado à Justiça.

A corregedoria da Polícia Militar apura o caso desde 4 de abril. Em nota divulgada na tarde desta quarta-feira (23), a assessoria de imprensa da PM informou que um mandado de prisão preventiva foi cumprido nesta manhã. O conselho de disciplina da PM apura se o policial tem condições para permanecer na instituição, de acordo com a assessoria.

A menina não soube informar aos policiais a data do abuso. Exames de corpo de delito apontaram que não houve relação sexual. De acordo com o delegado, o policial teria tocado os órgãos íntimos da criança.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VERDE/SUSTENTAVEL

Gretap: equipe do Governo de MS no Pantanal monitora áreas queimadas em busca de animais feridos

JUSTIÇA

Após voto de Toffoli, STF continua sem decisão sobre porte de maconha

GERAL

Sistema lucrativo sustenta desinformação científica nas redes sociais

DETRAN

Detran-MS inicia novo leilão com Honda CG 2023/24 e Kia Cerato em destaque