Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021

Expo Nelore MS bate recorde e fatura R$ 17 milhões com dois leilões a menos

25 novembro 2014 - 08h15Por Assessoria

Com dois leilões a menos que a edição passada a Expo Nelore MS bate recorde em faturamento e soma R$ 17 milhões em arremates, cifra que mantém a feira entre as três maiores do país em movimentação econômica e supera o montante de 2013 em 10%. Foram dez dias de evento com um leilão por dia e julgamentos de 400 animais da raça nelore de seis estados brasileiros. O evento finalizou neste domingo (23), no Terra Nova Eventos, em Campo Grande.

Tradicionalmente conhecido e com transmissão nacional o leilão 42 Cícero de Souza foi o de maior contribuição para o recorde de faturamento na edição de 2014 da Expo Nelore MS, com soma dos arremates que se aproximou da casa dos R$ 5 milhões.

Segundo o presidente da Associação Sul-Mato-Grossense de Criadores de Nelore, Thiago Morais, a organização do evento esperava este recorde e os valore condizem com a qualidade dos bovinos. “Aqui foram leiloados gado com alta carga genética que contribuirão significativamente para a formação do rebanho dos compradores. Esses animais vão oferecer rentabilidade significativa devido suas características que proporcionam a formação de um plantel rico em estrutura física, com maior ganho de peso em menos tempo”, destaca Morais ao ressaltar que a edição do ano seguinte já começa a ser desenhada com surpresas para o público e criadores.

Quanto ao julgamento animais de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais e São Paulo entraram em pista e foram avaliados por juízes que fizeram o ranking das melhores rezes da raça nelore. “A carga genética dos animais que participaram da competição é elevada, isso pode ser observado pela conformação de carcaça e o biotipo que sugere uma maior produção de carne com o animal ainda precoce”, afirmou o veterinário integrante da comissão julgadora, Antônio Carlos de Souza.

A grande campeã do julgamento premiada neste domingo (23) foi a vaca Naomi Fiv J.Garcia, da Fazenda Cachoeira 2C, de Sertanópolis (PR) e o grande campeão foi o Drink FIV da 42, da Fazenda Serra Dourada, de Terenos (MS).



Outras 12 categorias dividiram os animais inscritos: novilha menor, novilha maior, fêmea jovem, fêmea adulta, progênie de mãe, bezerro, júnior maior, júnior menor, touro jovem, touro sênior e progênie de pai. Todos foram avaliados por três juízes técnicos responsáveis pelo ranking da raça nelore de Mato Grosso do Sul e região.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE
Telessaúde credencia profissionais de Web Designer com remuneração de R$ 3 mil
MS
Beneficiários do Mais Social terão que participar de curso profissionalizante
EDUCAÇÃO
Matrícula para curso de medicina da UEMS pode ser feita até dia 26 de abril
PONTA PORÃ
Força Tática do 4º BPM intercepta comboio de veículos transportando mercadorias não legalizadas