Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021

Reinaldo diz que vai cortar seu salário pela metade e cargos comissionados

Reinaldo diz que vai cortar seu salário pela metade e cargos comissionados

02 janeiro 2015 - 08h30Por G1
Depois da solenidade de posse, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), concedeu entrevista em coletiva de imprensa no Plenarinho da Assembleia Legislativa, em Campo Grande.
O tucano afirmou que tomará providências imediatas para a contenção de despesas em seu governo.

“Amanhã já assinaremos decretos para isso. Como nós fizemos uma nova estruturação administrativa, nós vamos dar 90 dias para que as secretarias se adéquem e diminuam, em pelo menos 20%, o número de cargos comissionados. Planejamento para nós é fundamental. Vamos reduzir os custos do governo”, declarou.

Reinaldo Azambuja anunciou ainda a diminuição de seu salário. “Reduzimos pela metade para mostrarmos que nós teremos um início de governo de grandes contenções de despesas”.

O governador voltou a falar do Aquário do Pantanal e reafirmou que só voltará a investir no empreendimento após auditoria.

Em relação à economia, Azambuja destacou o setor do agronegócio. Ele anunciou medidas para o crescimento de potencialidades do estado, como a produção de etanol.

“Não somos produtores de petróleo, somos produtores de álcool. No entanto, Mato Grosso do Sul é um dos estados onde a população menos consome etanol. Somos o segundo maior produtor de álcool do país. Governo vai fazer um estudo e vai implantar ações para a redução da alíquota, para a diminuição dos preços na bomba e para o fortalecimento do setor”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Arrecadação de março superou as melhores expectativas, diz Guedes
COTAÇÃO
Dólar fecha em leve alta após mudanças no Orçamento
POLÍTICA
Câmara: plantio de maconha para fins medicinais tem parecer favorável
REGIÃO
Polícia Militar no Distrito do Boqueirão apreende 1,5kg de maconha