Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020

Faxineira acusa atletas cubanos de assédio sexual no Pan

Faxineira acusa atletas cubanos de assédio sexual no Pan

27 outubro 2011 - 15h00
BOL


A Procuradoria Geral de Justiça do Estado de Jalisco está investigando uma denúncia de uma faxineira de ter sofrido assédio sexual de dois atletas cubanos dentro da Vila Pan-Americana.

Segundo matéria do jornal La Aficion, os dois atletas da delegação cubana tentaram tocá-la enquanto ela fazia o seu trabalho de limpeza de um dos cômodos situados na Vila do Pan.
O caso está nas mãos do procurador Tomás Coronado Olmos, que disse ao jornal ter instaurado dois inquéritos para investigar o ocorrido.

A mulher falou para a polícia que entrou em uma das habitações, onde os esportistas lhe disseram algumas palavras inapropriadas. Ela não relatou se houve mesmo a tentativa de tocá-la, se queixando disso apenas com dois funcionários da empresa de limpeza em que trabalha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Acusação indevida de assédio moral gera indenização
PONTA PORÃ
Caminhões com 120 bovinos trazidos ilegalmente do Paraguai foram apreendidos pelo DOF
MEIO AMBIENTE
Infratora é autuada em R$ 56 mil por incêndio em madeira que se alastrou para pastagem
COMBUSTÍVEIS
ANP realiza mais de 7,4 mil fiscalizações no semestre