Menu
Busca segunda, 06 de abril de 2020
Tráfico

Avião interceptado por caças da FAB transportava R$ 7 milhões em droga

17 novembro 2015 - 11h58Por Fonte: correiodoestado
A aeronave Sêneca EMB-810C interceptada por caças da Força Aérea Brasileira (FAB) no fim da tarde de ontem (16) no céu de Mato Grosso do Sul transportava droga avaliada em R$ 7 milhões. O avião pousou no interior de São Paulo e duas pessoas foram presas.

Nota oficial da FAB revelou que a interceptação aconteceu na região nordeste do Estado e que caças atiraram contra a aeronave. O pouso aconteceu na cidade de Araçatuba, no interior de São Paulo.
Dentro da aeronave, policiais federais encontraram 350 quilos de pasta base de cocaína. O entorpecente, segundo a polícia local, está avaliado em R$ 7 milhões.

Foram presos o piloto da aeronave, de 46 anos, e um comerciante de 48 anos que também estava no avião. Eles afirmaram à Polícia Federal que receberiam 100 mil dólares e R$ 50 mil pelo transporte.
Os dois foram encaminhados até a cadeia de Penápolis, no interior de São Paulo.

OUTRO CASO

Um monomotor foi interceptado por um caça durante operação de policiamento aéreo na região de Japorã, na fronteira com o Paraguai, em outubro.
O piloto de uma aeronave sem plano de voo, que fazia uma rota conhecida por ser utilizada pelo tráfico de drogas, não obedeceu a ordem de pouso da defesa aeroespacial.

O monomotor foi alvo de tiros depois de ser interceptado por um caça da Aeronáutica, mas o piloto conseguiu fugir pela fronteira. A aeronave foi encontrada com uma das asas danificada, em um aeroporto na cidade de Paranavaí (PR).

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Brasil tem 553 mortes e 12 mil casos confirmados
INFLUENZA
Saúde distribui mais de 300 mil vacinas para municípios na 1ª etapa da campanha nacional
SAÚDE
Secretaria de Saúde confirma segundo óbito por coronavírus em Mato Grosso do Sul
NOTÍCIAS
Governo de MS aguarda decisão sobre empréstimo para 'estender a mão' a empresas