Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020

Projeto realizado pela FUNCESPP conta com o apoio do Governo de Mato Grosso do Sul

Projeto realizado pela FUNCESPP conta com o apoio do Governo de Mato Grosso do Sul

03 novembro 2011 - 17h20
Divulgação (TP)

Os moradores do bairro Coophafronteira recebem neste sábado, mais uma etapa do Projeto Som da Fronteira realizado pela Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã e contemplado pelo FIC-Fundo de Investimentos Culturais da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul.

O evento cultural acontece na Rua Inhacaru, a partir das 17 horas com a apresentação do Grupo Mexa-se, formado pelos alunos da Oficina Municipal de Street Dance, desenvolvido pela FUNCESPP. Em seguida no palco principal acontecem os shows com a dupla Paulinho e Sadi, Leandro Henrique e Gabriel e a banda de Pop Rock Santa Máfia.

Paulinho e Sadi estarão interpretando o melhor dos segmentos sertanejo e pagode, levando sempre a alegria e descontração da boa música, características marcantes da dupla que sempre contagia o público.

Ainda iniciando a caminhada musical a dupla Leandro Henrique e Gabriel, apresentarão a tradicional regional com o segmento sertanejo universitário e também estréiam no palco do Som da Fronteira.

O Diretor-Presidente da FUNCESPP, Adir Teixeira lembra que o Som da Fronteira vem permitindo a divulgação da produção musical de Ponta Porã, em seus diversos segmentos. “O Projeto Som da Fronteira vem permitindo que a população dos nossos bairros, conheça os nossos artistas. O evento cultural permite ainda a descentralização das atividades desenvolvidas pela atual administração, em favor das iniciativas culturais” explicou.

Para o Diretor de Cultura, Eder Rubens o Som da Fronteira é ume vento voltado para apoiar a produção musical, oferecendo estrutura necessária para apresentação dos artistas locais. “O Som da Fronteira vem alcançando seus objetivos, permitindo a integração entre artistas e o seu público. É uma forma de apresentar a nossa produção musical e atividades culturais para toda comunidade” frisou.

A grande atração da etapa da Coophafronteira fica por conta da banda Santa Máfia, formada pelos músicos Orlandinho Rodrigues (vocal e violão), Juninho (contra-baixo), e Tiago (Guitarra), possuem um público fiel na fronteira, sendo presença garantida em diversos eventos, boates e bares de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero.Vale a pena conferir.

Serviço – Som da Fronteira
Local – Coophafronteira
Data/Horário - 05 de novembro, a partir das 17 horas
Entrada – Gratuita
Atrações – Paulinho e Sadi/ Leandro Henrique e Gabriel/Santa Máfia

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pesquisa comprova que covid-19 é também doença vascular
ECONOMIA
Criação de empregos em agosto atinge melhor nível em nove anos
SERVIDOR
Governo deposita salários de servidores nesta quinta-feira
SAÚDE
Covid-19: Anvisa reduz exigências para análise de registro de vacinas