Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020
Polícial

Dono de bar que matou cliente com tiro na cabeça se apresenta à polícia

Adriano da Silva Rufino prestou depoimento e foi liberado da delegacia

22 março 2016 - 13h15Por Fonte: correiodoestado
O comerciante Adriano da Silva Rufino, de 34 anos, que matou o cliente Márcio Antônio Soares, de 38 anos, com tiro na cabeça durante desentendimento, apresentou-se à polícia, ontem (21), acompanhado de advogado, e alegou legítima defesa. O crime ocorreu na noite de sexta-feira (18), no bar do autor do crime, que fica na Rua Almirante Barroso, no Bairro Oiti, em Três Lagoas.

De acordo com nota da Polícia Civil, Adriano alegou em depoimento que, inicialmente, serviu uma dose de pinga para a vítima e quando ela foi pedir a segunda passou a xingá-lo e foi em sua direção para agredi-lo. O comerciante disse que tinha uma arma de fogo no balcão do bar e fez um disparo para se defender, acertando o cliente na cabeça.

A arma também foi entregue à polícia. Fora do flagrante e sem mandado de prisão, o autor do assassinato prestou as declarações e foi liberado. O homem que já tinha passagens pela polícia por porte de arma de fogo, embriaguez ao volante, receptação, furto e violência doméstica, responderá ao processo criminal em liberdade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Pandemia mostrou que o Judiciário pode mudar, diz ministra
MAUS-TRATOS AO ANIMAL
Polícia Militar Ambiental de Aquidauana autua em R$ 3 mil infrator preso por Policiais Militares por matar cachorro alheio a pauladas
ECONOMIA
Déficit primário do Governo Central atinge R$76,16 bilhões em setembro
SEMANA DO SERVIDOR
Por meio virtual, Escolagov entrega XV Prêmio na Gestão Pública