Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
Ponta Porã

Eduardo Gauna assume a Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Meio Ambiente

Titular da pasta é empresário e atual Presidente da Associação Comercial e Empresarial de Ponta Porã pelo segundo mandato

13 janeiro 2016 - 08h30Por Assessoria

O Prefeito de Ponta Porã, Ludimar Novais (PDT), anunciou na manhã de terça-feira (12 de janeiro) em seu gabinete, o novo secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Meio Ambiente, o empresário Eduardo Gauna.

No ato de assinatura de posse de Eduardo Gauna estiveram presentes, o Presidente da Câmara de Comercio de Pedro Juan Caballero, Pedro Bondiman, Presidente do Sindicato Varejista de Ponta Porã, Amauri Osório Nunes, Presidente do “Convention Bureau” de Ponta Porã, Anderson Carpes e do secretário municipal de Governo, Eduardo Campos.

Segundo o prefeito Ludimar, “a entrada do Gauna é muito boa, pois representa a categoria da Associação Comercial e empresarial que tem todo interesse no desenvolvimento do comércio, da indústria e do turismo em nossa cidade, é uma pessoa que tem boas idéias e já demonstrou isso quando foi presidente da Associação Comercial, agora na secretaria vai tentar desenvolver a indústria em Ponta Porã, sempre pensando que o lado paraguaio tem um potencial, mas nós temos condições de colocar do lado brasileiro um centro de distribuição através dos incentivos do governo do Estado”.

Eduardo Gauna ao ser apresentado pelo prefeito aos servidores da secretaria afirmou que “estou empenhado em fazer o melhor possível para que promover o potencial econômico e turístico de Ponta Porã e nossa fronteira agradeço a confiança do prefeito Ludimar e vamos trabalhar para a geração de emprego e renda, promovendo ações voltadas para o desenvolvimento turístico, industrial e comercial do município”.

Atualmente a Secretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Meio Ambiente esta participando de dois grandes projetos na fronteira, o Parque Tecnológico Internacional de Ponta Porã (PTIN) e o Projeto de Fortalecimento da Cadeia Produtiva da Erva Mate (a finalidade é criar condições para geração de renda a assentados e a pequenos agricultores, além de resgatar o valor cultural do produto, matéria-prima mais apreciada e tradicional bebida do sul-mato-grossense, o tereré) entre outras ações e projetos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Bolsonaro nomeia Kassio Nunes Marques como ministro do STF
ECONOMIA
Ipea revisa para cima projeção do PIB do agronegócio
JUSTIÇA
Júri de sobrinho acusado de matar tio pelas costas será nesta sexta-feira
ECONOMIA
Receita abre amanhã consulta ao lote residual de restituição do IRPF