Menu
Busca terça, 19 de janeiro de 2021
Meteorologia

MS tem alerta de tempestade e áreas de instabilidade para quinta-feira

Previsão de chuva se estende até fim de semana em todas as regiões.

03 novembro 2016 - 07h15Por G1
A frente fria que chegou a Mato Grosso do Sul provocando pancadas de chuva e tempestades também derrubou as temperaturas em todas as regiões nesta quarta-feira (2), Feriado de Finados. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para mais tempestades no estado.

Os ventos chegaram a 57 km/h em Campo Grande neste feriado e a temperatura caiu de 27 para 18°C em poucos minutos, segundo o meteorologista Natálio Abrahão Filho. Choveu 26 milímetros na capital e alguns locais tiveram enxurradas.

A ventania também atingiu Bela Vista, onde choveu 52,8 milímetros. Em Jardim, no centro-sul do estado, enchentes foram registradas e os ventos chegaram a 69,5 km/h. No sul do estado, em Ponta Porã choveu 47,2 milímetros em dois dias, o que corresponde a 35% do acumulado esperado para o mês de novembro.

A previsão alerta para as condições de instabilidade e tempestades até domingo, mas na quinta-feira (3), as chuvas devem ser de menor intensidade na maioria das regiões. Na sexta (4) e sábado (5) a frente fria que provocou a mudança climática se afasta do estado, diminuindo as áreas de instabilidade, mas a intensificação da convergência em baixos níveis continua mantendo o tempo instável, em menores proporções.

No oeste e sudoeste, as temperaturas começam a subir gradativamente e as chuvas diminuem. No domingo (6), o dia deve começar com poucas nuvens no oeste do estado, mas podem ocorrer pancadas de chuva com trovoadas no período da tarde. Nas demais regiões, pouca nebulosidade e pequena chance de chuva.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pazuello: embarque de vacinas da Índia deve ter solução esta semana
POLÍCIA
Veículos com cigarros e agrotóxicos contrabandeados do Paraguai foram apreendidos pelo DOF
CORONAVÍRUS
Vacina chega a Mato Grosso do Sul e distribuição aos municípios começa ainda hoje
ECONOMIA
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras