Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
Ponta Porã

Preso, jovem que matou mecânico alega ''desentendimento familiar''

Preso, jovem que matou mecânico alega ''desentendimento familiar''

30 dezembro 2015 - 13h00Por Correio do Estado
Dez meses depois, Diego Henrique Arbino Gustavo, 25 anos, foi preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva por envolvimento no assassinato do mecânico Marcos Antônio Moreira, 53 anos, ocorrido no dia 23 de fevereiro, na Rua A, no Bairro João de Barro, em Naviraí. O preso justificou o crime alegando ''desentendimento familiar'', segundo a polícia.

A prisão ocorreu na segunda-feira (28), mas a Polícia Civil da cidade divulgou somente ontem (29). Diego estava escondido em Ponta Porã. Segundo informações, em depoimento, ele disse que matou Marcos Antônio para defender a tia com quem a vítima foi casada. “Disse que o mecânico sempre batia na tia dele e tomou as dores”, informou um policial.

A prisão mobilizou policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) de Naviraí com apoio do Setor de Investigação e Apoio Tático Operacional (Siato) de Ponta Porã. Dois locais foram alvos de ação policial. Além da cidade onde o jovem estava escondido, também a casa do avô dele em Naviraí, onde foi apreendido um revólver calibre 38, o qual Diego assumiu propriedade. Ele responderá criminalmente pelo homicídio e posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

O CRIME

O mecânico foi assassinado com cinco tiros, sendo dois deles na cabeça, quando chegava na casa onde morava, depois de um dia de trabalho. A identificação de Diego como autor ocorreu dias depois e autoridades policiais representaram na Justiça pelo pedido de prisão contra ele.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Celso de Mello antecipa aposentadoria do STF
CAARAPÓ
Policiais civis prendem jovem e comparsa suspeitos de tráfico de drogas
ECONOMIA
Febraban prevê que carteira de crédito deve subir 11,6% em agosto
CRIME AMBIENTAL
Polícia Militar Ambiental de Batayporã prende e autua quatro em R$ 8,4 mil por pesca predatória e apreende 139 kg de pescado, dois barcos, dois motores e petrechos