Menu
Busca quarta, 21 de outubro de 2020
Ponta Porã

Programa “Ensinando a Pescar” deve atender 200 assentados até o final deste ano

Programa “Ensinando a Pescar” deve atender 200 assentados até o final deste ano

03 fevereiro 2016 - 11h30Por Assessoria


O Programa Municipal de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Aqüicultura Familiar “Ensinando a Pescar”, criado pelo prefeito Ludimar Novais (PDT), e desenvolvido pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento, atende atualmente 159 famílias de pequenos produtores rurais dos assentamentos de Ponta Porã.

Nesta terça-feira, dia 2, o secretário de Agricultura e Abastecimento, Ramão de Deus, informou que o projeto do prefeito Ludimar que tem a coordenação do piscicultor Genildo Rossini e desenvolvido pela sua Secretaria, tem como meta atender pelo menos 200 micro e pequenos produtores rurais até o mês de dezembro deste ano.

“O prefeito Ludimar firmou parceria com o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), através da qual foi implantado um laboratório municipal para produção de alevinos. E sai desse laboratório os alevinos que estamos entregando para os assentados, que através da piscicultura estão ganhando reforço na subsistência e também aumentando a renda familiar”, destacou o secretário.

No último sábado, Ramão de Deus, juntamente com o prefeito Ludimar Novais e os secretários municipais, Agnaldo Miudinho (Obras e Urbanismo), e Paulo Roberto da Silva (Administração), foram entregues 7,8 mil alevinos para as famílias que passaram a trabalhar com piscicultura no Assentamento Aba da Serra, no distrito de Cabeceira do Apa; 11 mil alevinos para as famílias do Itamarati I; 2,8 mil alevinos para o Grupo Antônio João e 3 mil alevinos para as famílias integrantes da Cooperai.

O programa de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Aqüicultura Familiar “Ensinando a Pescar”, além de doar os alevinos também auxilia as famílias na construção de açudes. “As famílias que participam do programa desde o início já estão com peixes pesando mais de 1 kg e poderão inclusive participar da próxima feira do peixe que acontecerá nos dias que antecedem à semana santa”, disse Ramão de Deus.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
MEC discute novas formas de avaliar ensino superior
PIX
Procon pede explicações a Mercado Pago e NuBank sobre cadastros
Clientes dizem que foram cadastrados sem autorização
GERAL
Huawei avança em energia solar no Brasil e mira em baterias
INTERNACIONAL
EUA pedem que Brasil "mantenha olhar crítico" sobre a China