Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
Saúde

Setores de Saúde vão investigar possibilidade Zika Vírus em MS

Médica de Dourados notificou caso de microcefalia, que pode ter relação com doença

20 novembro 2015 - 19h53Por Fonte: correiodoestado
A Secretaria Municipal de Saúde de Dourados, município distante 225 km de Campo Grande, vai investigar um possível caso de Zika Vírus, que pode ter ocasionado o nascimento de uma criança com microcefalia na cidade. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (20) pelo titular da pasta, Sebastião Nogueira Faria.

À reportagem do Portal Correio do Estado, Nogueira e o coordenador de vigilância epidemiológica, Devanildo de Souza, informaram que uma criança nasceu com microcefalia há 50 dias, mas a médica responsável pelos atendimentos fez a notificação recentemente, sem precisar data.

Devanildo informou também que a família da criança viajou para o estado de Rondônia enquanto a mãe estava grávida. Por conta disso, a médica que acompanha o caso decidiu notificar a Secretaria Municipal de Saúde.
O coordenador da vigilância epidemiológica conversou com a mãe da criança. Ela relatou que teve febre e manchas no corpo enquanto estava grávida. Contudo, outros sintomas pertinentes a Zika Vírus não foram identificados, como conjuntivite e edemas.

Como parte da investigação do setor, toda a família passará por uma bateria de exames para identificar se houve contágio pelo Zika Vírus ou outra doença, como a toxoplasmose, que também pode ocasionar microcefalia.
A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que também vai investigar o caso e que, outros exames do tipo já foram feitos no Estado, mas até hoje nenhum caso foi confirmado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Caixa paga auxílio a informais, MEI, autônomos e desempregados
105 MESES
Governo amplia prazo de renegociação de empréstimos consignados
TEMPO
Inmet prevê tempo claro em todas as áreas do Estado
POLÍCIA
Serial Killer que confessou ter matado 7 em MS é transferido após defesa alegar agressões psicológicas