Menu
Busca domingo, 25 de outubro de 2020

Confederação de judô apresenta atletas para Olimpíada e lutador de MS é confirmado

03 junho 2016 - 09h15Por Dourados News
Os judocas que vão representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de 2016 foram apresentados hoje (2) pela Confederação Brasileira de Judô. A equipe tem 14 atletas, com sete homens e sete mulheres, e já traz uma bagagem de seis medalhas olímpicas. O judoca sul-mato-grossense Rafael Silva, o Baby, na categoria pesado foi um dos chamados a integrar o grupo.

A equipe feminina será a mesma que disputou os jogos de Londres, em 2012, e trouxe para casa uma medalha de ouro e outra de bronze.

Foram convocadas Sarah Menezes, na categoria Ligeiro; Érika Miranda, na Meio-Leve; Rafaela Silva, na Leve; Mariana Silva, na Meio-Médio; Maria Portelana Médio; Mayra Aguiar, na Meio-pesado; e Maria Suelen Altheman, na Pesado.

Já a equipe masculina tem quatro estreantes e três medalhistas olímpicos. Vão competir pela primeira vez nos Jogos do Rio Charles Chibana, na categoria Meio-Leve; Alex Pombo, na Leve, Victor Penalber, na Meio-médio; e Rafael Buzacarini, na Meio-pesado. Completam o time, além do sul-mato-grossense, Tiago Camilo, na Médio; e Felipe Kitadai, na Ligeiro.

O presidente da Confederação Brasileira de Judô, Paulo Wanderley, mostrou otimismo com os resultados da modalidade, e lembrou que o judô já garante medalhas ao país há oito jogos consecutivos.

"É um esporte em que se pode ter esperança de medalha. A equipe é competente, capacitada, jovem e trabalha diuturnamente para chegarmos onde chegamos", disse.

O gestor técnico de alto rendimento da CBJ, Ney Wilson, disse que os atletas foram selecionados entre 56 candidatos e destacou que o Brasil, apesar de ter vagas garantidas como país-sede, conquistou todas pelo ranking internacional.

"Todas as vagas dos atletas brasileiros foram conquistadas no tatame", afirmou o técnico. Ele disse ainda que esse desempenho posiciona o Brasil ao lado de França e Japão, os outros únicos países que também disputarão todas as categorias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGO
Pandemia aumenta busca por profissionais autônomos e freelancers no país; veja serviços com maior demanda
AUXÍLIO EMERGENCIAL
3,7 milhões de nascidos em setembro recebem nova parcela neste domingo
SEGURANÇA PÚBLICA
Mato Grosso do Sul reduz índices de violência durante a pandemia
LOTERIA
Mega-Sena acumula e próximo concurso pode pagar R$ 45 milhões