Menu
Busca terça, 01 de dezembro de 2020

5ª edição do Festival do Pastel destaca cultura japonesa em MS

14 outubro 2011 - 16h50
Divulgação (TP)

Frito na hora, sequinho, crocante por fora e com uma variedade de recheios, o pastel pode ser acompanhado por um suco natural, caldo de cana ou refrigerante. Reconhecido e apreciado em vários lugares do País, é comercializado tradicionalmente em mercados municipais e feiras.



Pelo quinto ano consecutivo, o alimento será tema do Festival do Pastel, que acontece no Mercado Municipal de Campo Grande. Com uma programação variada, que inclui shows com os músicos convidados Gilson e Jerry Espíndola, duplas sertanejas, bandas e apresentações culturais com os grupos Bate Pé e Taiko, a população pode participar no período de 15 a 23 de outubro, das 7h às 18h, de segunda a sábado, e das 6h às 12h, no domingo.



Segundo dados da Associação dos Comerciantes do Mercadão, estima-se que sejam comercializados 700 pastéis no local, por dia. E apesar das inovações nos sabores, como de pizza, banana, goiabada e carne de jacaré, o presidente da Associação dos Comerciantes do Mercado Municipal de Campo Grande, Ronald Kanashiro, afirma que os mais vendidos continuam sendo os de carne e de queijo.



Durante o festival, haverá destaque para a 6ª Mostra Nikkei Dekassegui, com as empresas que se instalaram em Mato Grosso do Sul. A proposta é apresentar a cultura e as tradições japonesas aliadas à trajetória do Mercadão. São 21 empresas que atuam no estabelecimento, que terão um pouco de suas histórias e de suas famílias narradas em painéis organizados pelo Sebrae.



“O início do Mercadão se deu a partir de uma feira instalada perto da linha férrea, onde os Nikkeis comercializavam hortaliças. E o objetivo da mostra dekassegui acontecer no Mercadão é ressaltar a participação efetiva dos japoneses e descendentes no comércio para o desenvolvimento do local”, explica Ligia Oizumi, analista técnica do Sebrae.



Histórias como a de Rosemary Soken que há uma década está com o Box 31 - Parada Obrigatória, fruto de 11 anos de economias guardadas com o trabalho no Japão. “Estou planejando ampliar o Box e com a previsão de termos aqui uma praça de alimentação poderei atender com mais comodidade e, certamente, resultará no desenvolvimento do meu negócio”, afirma a empresária que atualmente emprega sete funcionários.



O Mercado Municipal Antonio Valente, o Mercadão de Campo Grande, completou 53 anos, dia 30 de agosto. O local é um dos mais tradicionais pontos comerciais e turísticos da cidade. São 144 bancas e 79 Boxes com variedade de recursos hortifrutigranjeiros e peixes da região, contando também com produtos de qualidade e preços mais acessíveis aos consumidores.



O local está inserido no roteiro turístico do City Tour, o que possibilita aos empresários do mercado atender a turistas de diversas partes do mundo, que chegam a Capital.



Serviço



O 5º Festival do Pastel acontece de 15 a 23 de outubro no Mercadão Municipal de Campo Grande, que fica à Rua 7 de Setembro com Avenida Noroeste, 5.500, no centro de Campo Grande. A abertura oficial acontece neste sábado às 9 horas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LAGUNA CARAPÃ
Caminhão que seguia para Campo grande com mais de seis toneladas de maconha foi apreendido pelo DOF
PROPINA DIFERENTE
Traficante Minotauro usou canetas de US$ 900 para pagar propina a agentes paraguaios, afirma MPF
ECONOMIA
Seis milhões de pessoas pediram empréstimo na pandemia, diz IBGE
CORONAVÍRUS
Falta de leitos de UTI coloca em risco população de Dourados, diz secretário