Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020

Ação intensificará segurança na fronteira

Ação intensificará segurança na fronteira

24 julho 2011 - 09h47
A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio das Polícias Militar e Civil, e a Força Nacional de Segurança Pública (FNSP), do Ministério da Justiça vão intensificar a segurança nas fronteiras de Mato Grosso do Sul. A equipe da Força Nacional chegou ao Estado no último dia 15.
O secretário de segurança pública, Wantuir Jacini, recebeu nesta semana a visita do comandante da Força Nacional no Estado, capitão Paulo Secchi. A reunião contou com a participação do comandante geral da Polícia Militar, coronel Carlos Alberto David dos Santos; do comandante do Policiamento do Interior (CPI), coronel Nelson Antonio da Silva, e o diretor do Departamento de Polícia do Interior, delegado da polícia civil Marcelo Vargas.

Durante a reunião o secretário Wantuir Jacini disse que a Força Nacional dará apoio à Sejusp em operações na fronteira com o Paraguai. “A criminalidade em Ponta Porã está alta e pedimos para que a Força Nacional dê atenção para a cidade que têm registrado diversos crimes. Serão operações específicas e também rotineiras”, disse.

Jacini lembrou que os policiais da Força Nacional iriam atuar na fronteira com a Bolívia, mas o governador André Puccinelli solicitou a permanência dos policiais no estado em apoio às atividades da Sejusp.

O nome da operação na fronteira com o Paraguai será “Apoena” – que em tupi guarani significa “De olhos bem abertos”. Jacini pediu para que a Polícia Militar faça um planejamento que contemple também a área de trânsito. O Departamento de Operações de Fronteiras (DOF) também dará apoio em missões especiais. O secretário também solicitou às equipes que vão atuar na fronteira um relatório de operações semanal.

“Já atuamos na operação 'Sentinela' em parceria com a Polícia Federal e conhecemos o Estado. Agora vamos somar esforços às polícias estaduais para combater a criminalidade na fronteira”, ressaltou o comandante Paulo Secchi.

Dentro do programa de segurança nas fronteiras, Wantuir Jacini informou também que o Ministério da Justiça destinou ao Estado 11 novos veículos sendo dez modelos Frontier e um modelo Ducato, além de 39 coletes balísticos para serem utilizados pelas unidades da Sejusp localizadas na faixa de fronteira.

Assessoria

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Desrespeito às medidas de isolamento continua favorecendo as estatísticas da Covid
NOTÍCIAS
Escola deve indenizar vizinhos por poluição sonora
EDUCAÇÃO
Inscrições para o Sisu começam amanhã
BR-163
Polícia identifica casal morto em acidente na BR 163