Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020

Corinthians vira no final e mantém vantagem na ponta

20 novembro 2011 - 20h00Por ESPN
Foi com muito sofrimento, mas o Corinthians contou com a estrela de Adriano para virar sobre o Atlético-MG e se segurar na liderança do Campeonato Brasileiro por mais uma rodada. Com o Pacaembu lotado, o atacante marcou o seu primeiro gol com a camisa corintiana e garantiu a vitória por 2 a 1 aos 43 minutos da etapa final.

Adriano marcou o seu primeiro gol com a camisa do Corinthians em sua quarta partida com a camisa alvinegra. O atacante foi contratado no final de março, mas sofreu uma lesão no tendão de Aquiles um mês depois e adiou muito a sua estreia. Sofrendo com problemas para entrar em forma, o Imperador fez o seu primeiro jogo contra o Atlético-GO no dia 9 de outubro, mas ficou fora de outras partidas na sequência para melhorar o condicionamento.

Ao todo, Adriano havia atuado apenas 58 minutos em suas três partidas no Brasileiro (Atlético-GO, Botafogo e Atlético-PR). Neste domingo, o atacante entrou aos 22 da etapa final, pegou poucas vezes na bola, mas decidiu o jogo no final, mostrando muita calma na hora da finalização após lançamento de Émerson.

Com o resultado, o Corinthians chega aos 67 pontos e se mantém com dois de vantagem sobre o Vasco restando apenas duas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro. O time paulista já pode até ser campeão no próximo final de semana. Para isso, tem que vencer o Figueirense e torcer para o Vasco não vencer o clássico contra o Fluminense.

Do outro lado, o Atlético-MG segue com 42 pontos e ainda não afastou de vez o fantasma do rebaixamento. A equipe de Cuca recebe o Botafogo no próximo final de semana para se livrar de vez da briga contra a degola.
O jogo
Mesmo com o apoio da torcida, o Corinthians começou acuado nos primeiros minutos de partida. A pressão atleticana, porém, durou pouco. O time paulista rapidamente saiu para o ataque e teve sua primeira chance aos 6. Da entrada da área, William pegou uma sobra e chutou. A bola passou perigosamente à esquerda do gol.

Mais tranquilo em campo, o Corinthians dominava a posse de bola e trocava passes no campo de ataque, mas os mineiros se fechavam bem na defesa. Até o atacante André voltava para ajudar na marcação. Mesmo melhor na partida, o time paulista não conseguia criar chances de finalização e chegava apenas em bolas paradas, mas não conseguiu nenhuma boa cobrança, que levasse realmente perigo ao goleiro Renan Ribeiro.

Aos 40 minutos, Serginho fez um recuo de peito dentro da área e chegou a assustar a torcida, mas a bola parou fácil nas mãos de Renan Ribeiro. Com o Corinthians apostando em algumas jogadas individuais de Paulinho e William e o Atlético-MG sem conseguir encaixar nenhum contra-ataque, o primeiro tempo da partida terminou em um empate sem gols.

A etapa final começou bem parecida com a inicial. O Corinthians não conseguia se desvencilhar da marcação atleticana, e o primeiro lance de perigo foi novamente com William, em um chute de fora da área. O atacante pegou em cheio, e a bola saiu perto do ângulo direito.

Aos nove minutos, porém, veio um banho de água gelada na torcida corintiana. Em cobrança de falta ensaiada, Richarlyson fez um belo lançamento para Daniel Carvalho, o meia apareceu livre na esquerda e deixou o zagueiro Leonardo Silva na boa para completar de cabeça para o fundo do gol, abrindo o placar da partida.

Tite respondeu rápido à desvantagem, e colocou Alex em campo. Com o apoio da torcida, o Corinthians chegou com muito perigo e quase empatou aos 16 minutos. Após cruzamento da direita, a bola passou limpa pela área e sobrou para Liedson, mas o atacante chutou mal, e a bola passou fraca ao lado do gol.

No contra-ataque, o Atlético-MG começou a assustar muito. Aos 18 minutos, Bernard recebeu lançamento dentro da área, mas acabou desarmado. A bola acabou sobrando para Carlos César, que invadiu a área e chutou com muito perigo à direita do gol de Júlio César.

Com o time em desvantagem, Adriano entrou em campo aos 22. Logo em seu primeiro lance, ele fez uma jogada pela esquerda e tocou para trás. Paulinho fez um chuveirinho na área, e Liedson pegou de primeira, mas o goleiro Renan Ribeiro fez grande defesa. Após cobrança de escanteio, Alex recebeu na direita, puxou para o meio e mandou no ângulo, mas Renan novamente fez grande defesa.

O Corinthians partiu para a pressão total, e o empate veio aos 32 minutos. Émerson abriu o jogo pela direita, Alessandro chegou com liberdade e colocou a bola na medida para Liadson chegar por trás da zaga e cabecear para o fundo do gol.

A virada veio ao melhor estilo corintiano, aos 43 minutos da etapa final e com o primeiro gol de Adriano com a camisa corintiana. Émerson recuperou uma bola no campo de defesa, arrancou m velocidade para o ataque e deixou Adriano na cara do gol. O centroavante mostrou frieza, esperou o goleiro fechar e tocou na saída de Renan Ribeiro para garantir a vitória de virada.


Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Comerciante morre em acidente na MS-276
BRIGA
Por conta de dívida, homem e mulher brigam no meio da rua e arremessam um contra o outro blocos de concretos e garrafas
GERAL
Pedidos de educação indígena aumentaram 500%, afirma Funai
POLÍTICA
Campanha das eleições municipais começa neste domingo