Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020

Consultoria Online dá dicas para atrair clientes neste Natal com a decoração certa

Consultoria Online dá dicas para atrair clientes neste Natal com a decoração certa

23 novembro 2011 - 15h25
Divulgação (TP)

Com a aproximação de dezembro, as vitrines das lojas começam a ganhar enfeites comemorativos de Natal. São tantas opções de guirlandas, presépios e árvores natalinas que os comerciantes ficam em dúvida do que utilizar para a decoração nas lojas.



Para saber qual a melhor forma de enfeitar não só a vitrine, como também o espaço interno e externo do estabelecimento, a internet pode ser uma ferramenta útil. No dia 23 de novembro, o Sebrae promove a “Consultoria Online”, com o tema “Vitrines que encantam - Neste Natal, surpreenda o seu cliente”, curso virtual com a consultora Rosane Eilert, disponibilizado por meio de salas de bate papo.



A consultoria vai abordar temas sobre como montar uma decoração atrativa sem utilizar grandes investimentos. “Saber usar a criatividade e utilizar o que já existe na empresa é uma saída original e barata”, enfatiza Roseane. O objetivo principal do curso online, segundo relatou a consultora, é o aumento das vendas e da carteira de clientes “A vitrine é o chamariz para as vendas”, destacou. O curso virtual é gratuito e estará disponível no site www.ms.sebrae.com.br, por meio do link Consultoria Online, das 19 às 22 horas.

Rosane Eilert - Formada em Publicidade e Propaganda, Relações Públicas e pós-graduada em Administração pela Pontíficia Universidade Católica (PUC/RS), Rosane presta serviços na área Gestão Visual de Lojas – Vitrinismo e Visual Merchandising, Layout Interno e Externo de Loja e presta consultorias para o Sebrae MS e RS.





Deixe seu Comentário

Leia Também

BR 267
Polícia Militar intercepta e apreende duas caminhonetes que seriam utilizadas pelo crime organizado na região de fronteira
ECONOMIA
Pedidos de seguro-desemprego caem 9,3% na primeira metade de setembro
PONTA PORÃ
Polícia Civil prende mulher que forjou o sequestro do próprio neto
JUSTIÇA
Réus condenados no Tribunal do Júri têm recurso negado