Menu
Busca sábado, 05 de dezembro de 2020

Delcídio prevê ano com muitas obras em Mato Grosso do Sul

16 janeiro 2012 - 13h48Por Assessoria
“Apesar de enfrentarmos um grande sufoco ao longo de praticamente todo o ano passado, com dificuldade para liberar recursos não só para os projetos já em andamento mas também para novos investimentos, os empenhos e pagamentos feitos no mês de dezembro e nos primeiros dias de janeiro - que, ao todo, chegam a R$ 127 milhões em emendas individuais e de bancada, recursos extraorçamentários e pagamentos de obras efetuadas e em andamento - sinalizam um 2012 com muitas obras, honrando praticamente tudo o que assumimos com os prefeitos e vereadores, e garantindo melhor qualidade de vida para a população”.

A afirmação é do senador Delcídio do Amaral(PT/MS), que na segunda-feira, 16 de janeiro, fez um balanço do esforço feito em Brasília para garantir o maior volume possível de recursos federais para Mato Grosso do Sul.

“Somente em emendas individuais minhas e do senador Waldemir Moka (PMDB) – os dois parlamentares trabalharam de forma articulada para evitar sobreposição de recursos e beneficiar um número maior de municípios – empenhamos R$ 17,3 milhões, que serão utilizados a partir de agora em projetos de infraestrutura, esporte e turismo em 45 cidades. Alem disso, eu e os deputados Antonio Carlos Biffi (PT) e Vander Loubet(PT) conseguimos R$ 57 milhões em recursos extraorçamentários que vão permitir , entre outras coisas, implantar o programa Cidade Digital em Dourados, fazer o embutimento da rede de energia e reestruturar o Porto Geral de Corumbá, construir várias creches, dar sequência as obras de implantação do anel rodoviário de Campo Grande no trecho entre a saída para Cuiabá e a MS-080 (rodovia de acesso a Rochedo), fazer a cobertura de quadras, reformar escolas, adquirir dezenas de ônibus escolares, implantar 34 academias de saúde em diferentes regiões do estado, comprar patrulhas mecanizadas para melhorar a manutenção das estradas vicinais, alem de investir pesado na agricultura familiar e no reaparelhamento da FUNAI”, detalhou o senador.

Delcídio disse que os deputados federais e senadores de todos os partidos somaram esforços para garantir o empenho das emendas de bancada.

“Foram R$ 23,7 milhões em emendas coletivas para obras fundamentais, como a pavimentação de ruas em vários bairros de Dourados, alem da implantação de rede de esgotoe melhorias no sistema de abastecimento d`água, através do PAC-FUNASA, em Eldorado, Paranaíba, Ribas do Rio Pardo, Ivinhema, São Gabriel do Oeste e Naviraí”, revelou.













Nos últimos dias de dezembro, o governo federal atendeu pedido do senador para que fossem liberados pagamentos de obras já concluídas ou em andamento, aliviando o caixa das prefeituras.





“Foram mais R$ 15,5 milhões que beneficiaram, entre outros municípios, Campo Grande (quitação da última parcela da Via Morena), Anastácio (asfaltamento de ruas já concluído), e o governo do estado, que poderá dar sequência a pavimentação da Rodovia Sul Fronteira. Alem disso, tivemos na semana passada o pagamento de R$ 13,5 milhões para a restauração dos estragos provocados pelas chuvas de 2011”, explicou. Somando-se as emendas individuais, as coletivas, os recursos extra-orçamentários empenhados e os recursos pagos até agora se chega ao total de R$ 127 milhões garantidos ao longo dos meses de dezembro e janeiro.



Delcídio considera “excelente” o resultado da mobilização da classe política na luta por mais recursos para o estado.



“O balanço é bastante positivo, fruto do trabalho de toda a nossa bancada, que não leva em conta as diferenças partidárias na hora de defender os interesses de Mato Grosso do Sul. É preciso destacar também o empenho do governador André Puccinelli (PMDB), dos prefeitos e prefeitas, para que tudo desse certo. Nosso objetivo era atender todos os pedidos, mas diante das limitações do próprio governo federal, que teve de tomar medidas duras ao longo de 2011 para conter a inflação e fazer frente a crise econômica que assola o mundo inteiro, entendo que o que nós alcançamos foi muito bom. Conseguimos emplacar recursos do Orçamento Geral da União de 2012 que vão ser fundamentais para o desenvolvimento do nosso estado. Ainda restam alguns empenhos pendentes, mas nós vamos arregaçar as mangas e continuar trabalhando duro para que tudo esteja garantido antes do início do período eleitoral”, previu o senador.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Inscrições abertas para seleção de bolsas PIBIC, PIBIC-AAF e PIBITI
INTERNACIONAL
Rússia começa a vacinar principais grupos de risco contra covid-19
BONITO
PMA resgata jabuti com casco dilacerado por atropelamento, periquito ferido e gambá em pousada
LIBERDADE ECONÔMICA
Projeto enviado à Assembleia garante segurança jurídica e inovação aos empresário