Menu
Busca quarta, 23 de setembro de 2020

Promotoria da Infância fecha em Dourados casas de prostituição

11 dezembro 2011 - 11h03Por Dourados News
Na noite de sexta-feira (09), a Promotoria da Infância, juntamente com policiais do GAECO e Policiais Militares, realizaram uma operação na cidade de Dourados, para fechar pontos de prostituição.

A primeira casa a ser fechada, foi na avenida Weimar Gonçalves Torres, em um local conhecido como ‘Casa de Massagem’, no local foram presas Marta Terezinha Cardoso, 44 anos, moradora no Jardim Guanabara e Patrícia dos Santos Ávila 26 anos, morador jardim são Pedro a primeira seria a proprietária e a segunda a gerente da casa.

Na casa foram encontradas diversas mulheres, sendo uma delas 33 anos, de nacionalidade paraguaia, que confirmou que no local funciona uma casa de prostituição.

Segundo a polícia o valor do programa era dividido da seguinte forma, o quarto R$ 20 e cada programa girava em torno de R$ 100, as garotas ficam com o dinheiro do programa e casa fica com o dinheiro do quarto e da venda das bebidas.

Na delegacia Marta e Patrícia negaram o gerenciamento das garotas. As duas foram detidas, autuadas em flagrantes, se condenadas podem pegar até 5 anos de prisão.

O segundo ponto de prostituição fechado na operação, foi na Rua Rita Carolina, no Jardim Flórida II, local conhecido como antigo ‘bar da Alice’, no local foi presa Maria da Glória Alves Jardim 35 anos, moradora no mesmo bairro. No local havia pelo menos cinco mulheres, e os valores cobrados era R$ 25 o quatro e R$ 100 o programa, dividido entre as garotas e a casa.

MOTEL

A operação também esteve em alguns motéis da cidade, e em um dele, foi preso um jovem de 21 anos, que estava no quarto com um adolescente de 16 anos e dois travestis.

De acordo com a polícia o jovem foi preso por fornecer bebida alcoólica ao menor, que estava em visível estado de embriagues, ele foi liberado após pagar fiança de R$ 545.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Coronavírus continua avançando em MS, com mais de 1,2 mil óbitos registrados
ECONOMIA
Desemprego subiu 27,6% em quatro meses de pandemia
ORDEM DO DIA
Aprovada em 2ª obrigatoriedade de álcool gel nos estabelecimentos
MS
Resultado preliminar de seleção de profissionais da saúde para atuarem na Agepen é divulgado