Menu
Busca terça, 24 de novembro de 2020

Zagueiro do Bragantino de 22 anos morre vítima de câncer

28 novembro 2011 - 10h45Por UOL
Um dia depois de perder a chance do acesso à elite do futebol brasileiro, a diretoria do Bragantino recebeu uma notícia ainda mais triste. O zagueiro Gustavo Valezzi, que estava afastado dos treinamentos desde o início da temporada se recuperando de um câncer, faleceu na manhã de domingo no Hospital do Câncer, em São Paulo.

“Perdemos um ótimo menino e um grande jogador. Apostávamos muito no seu talento e a notícia me pegou de surpresa me deixando muito triste. Agora temos que dar conforto espiritual para seus familiares e rezar para que ele descanse em paz”, disse o presidente do Bragantino, Marco Chedid.

Gustavo Henrique Valezi tinha apenas 22 anos e lutava contra a doença há dois anos. No início deste ano passou por duas cirurgias, uma inclusive na cabeça, e há dois meses não conseguia mais andar. Gustavo fazia tratamento no Hospital do Câncer, em São Paulo, já que um de seus empresários era dono do Hospital São Paulo e não desamparou o atleta.

O mesmo fez o Bragantino, com quem Gustavo tinha mais um ano de contrato. Segundo seu amigo Adriano Spadoto, que ajudou a levar o zagueiro para o Bragantino e Internacional, neste sábado ele chegou a dizer algumas palavras para sua mãe se referindo ao carinho e atenção dados pelo clube.

“A mãe dele me disse que ontem ele pediu para agradecer o apoio que o presidente Marco Chedid deu a ele durante todo este período que a doença o pegou. Outra pessoa que foi lembrada com carinho pelo Gustavo foi o Juninho, diretor de futebol do Mirassol”, falou Spadoto.

O volante Luciano Sorriso era muito íntimo de Gustavo e sempre tinha contato com o zagueiro. Quando foi descoberta a doença, foi ele quem aconselhou a chamar os companheiros e conversar sobre o assunto.

“Sempre estive próximo dele. Lembro-me muito bem quando nos reunimos na frente da imagem de Nossa Senhora no vestiário do Bragantino e fizemos uma oração para sua melhora. Infelizmente isso não ocorreu e perdemos uma pessoa sensacional. Ele tinha um coração enorme. Que Deus conforte ele e a família e que descanse em paz. Estou muito arrasado com a notícia”, disse.

Valezzi começou a carreira no Mirassol em 2007 e por lá se profissionalizou. Em 2008, disputou o Paulistão, se destacou e acabou sendo negociado por empréstimo ao Bragantino, jogando o Brasileiro da Série B de 2008 e o Paulistão de 2009. Em seguida foi emprestado ao Internacional para depois jogar no Atlético Sorocaba, em 2010. Lá, ficou apenas um mês em Sorocaba, já que retornou ao Bragantino no início de 2011 por causa da doença e não fez mais nenhuma partida.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Brasileiros acreditam em inflação de 4,8% nos próximos 12 meses
CORONAVÍRUS
Diagnosticado com covid-19, o vice-prefeito de Ponta Porã, Caio Augusto (PSD), está internado na UTI
POLÍTICA
Lei sobre Internet das Coisas pode gerar milhões de empregos
Avaliação é do Ministério das Comunicações
OPERAÇÃO MOTOR DE LAMA
RF, PF e CGU combatem esquema de lavagem de dinheiro e evasão de divisas no estado do MS